PayPal: entenda como funciona o acordo do Paypal com o Itaú

por Andrea Cortes
3 minutos de leitura
clientes itaú compartilham dados com PayPal

Em 2019, o Banco Itaú e a empresa norte-americana de pagamentos online Paypal firmaram uma parceria interessante que pretende trazer inúmeras facilidades para os correntistas do banco. A intenção desse acordo é deixar as compras dos clientes do Itaú mais seguras, além de ganhar mais espaço no mundo das fintechs financeiras.  

Confira o artigo abaixo para entender como essa parceria vai funcionar e ainda conhecer as principais vantagens oferecidas aos clientes do banco. Vamos lá?

Parceria do Itaú com o PayPal

No final de agosto de 2019, o Itaú e a plataforma de pagamentos PayPal anunciaram uma parceria inovadora para facilitar o compartilhamento de dados entre as duas empresas. O acordo tem como principal objetivo facilitar o dia a dia dos clientes do banco que podem vincular os seus dados pessoais e bancários na plataforma do PayPal.

Na prática, isso facilitaria o cadastro na plataforma e a inclusão de novos cartões nas carteira já existente. Além disso, também proporciona aos clientes maior segurança para as compras online.

E ainda há planos para o lançamento de novos produtos que podem beneficiar os lojistas que utilizam a rede. Dentre eles, aumentar o número de lojas virtuais que aceitam o PayPal como forma de pagamento. Assim, os correntistas do Itaú poderiam escolher entre pagar as compras com o PayPal ou fornecer o número do cartão de crédito.

Como enviar dinheiro para o exterior com o PayPal.

parceria entre itaú e PayPal - PayPal: entenda como funciona o acordo do Paypal com o Itaú
A intenção da parceria é deixar as compras dos clientes Itaú mais seguras, além de ganhar mais espaço no mundo das fintechs financeiras

PayPal e Itaú: quais as vantagens dessa parceria?

Com esse acordo, os correntistas do Itaú que optarem por utilizar os serviços do PayPal poderão desfrutar de diversas vantagens. Veja quais são elas a seguir:

  • Segurança: todas as transações utilizam o sistema de criptografia, deixando as suas informações mais protegidas. Além disso, você não precisará mais digitar os dados do seu cartão nos sites de compra;
  • Continue acumulando milhas: não importa se você vai fazer a compra com o cartão ou utilizando o PayPal, você poderá continuar acumulando milhas normalmente;
  • Facilidade: quando o seu cartão expirar, não há a necessidade de atualizar a sua carteira do PayPal. Isso será feito automaticamente;
  • Compre no mundo inteiro: existem milhões de sites no mundo inteiro que aceitam PayPal como forma de pagamento, ou seja, você terá acesso a inúmeras possibilidades de compra;
  • Rapidez: você consegue acessar a sua carteira do PayPal diretamente no aplicativo do banco (App Itaú, App Itaú Personnalité, App Itaucard), e na hora de fazer a compra, basta informar o seu email e a senha da plataforma.

É importante dizer que o acordo entre as duas empresas, até o momento, trata apenas de cartões de crédito. Entretanto, a previsão é que para o decorrer de 2020 cartões de débito também possam ser cadastrados na plataforma.

PayPal: vale a pena comprar pela plataforma?

Como criar a conta PayPal

Se você é correntista do banco Itaú, basta acessar o seu Internet Banking ou o aplicativo no smartphone e seguir o passo a passo abaixo:

  1. Na aba serviços do app Itaucard, clique em PayPal e escolha os cartões que você deseja cadastrar;
  2. No PayPal, insira seu email para criar a conta. Se você tem conta no PayPal, use o mesmo;
  3. Confira os dados e, com tudo certo, você já pode usar o serviço gratuito do PayPal.
pagamento online 3 - PayPal: entenda como funciona o acordo do Paypal com o Itaú
Clientes do Banco Itaú podem compartilhar seus dados bancários e facilitar os pagamentos online

Realize pagamentos no exterior com a Remessa Online

Certamente o acordo entre o banco Itaú e o PayPal pode facilitar a vida de milhões de correntistas que podem fazer compras no Brasil e no exterior utilizando o PayPal. Entretanto, se você não é cliente Itaú, mas mesmo assim ainda precisa realizar pagamentos fora do país, não precisa se preocupar.

A plataforma brasileira Remessa Online é especializada na remessa de dinheiro para o exterior, com um sistema seguro, econômico e bastante prático. Veja como é fácil fazer um envio de dinheiro para o exterior com a plataforma:

  1. Acesse a plataforma e faça o seu cadastro. É possível realizar o cadastro simples ou completo, dependendo da quantia e frequência com que deseja fazer suas transferências internacionais. Para transacionar valores acima de R$ 75.000 por ano, faça o cadastro completo;
  2. Selecione a categoria da transferência, tais como enviar para pessoa física, pagar produtos ou serviços, pagar um curso, tratamento médico, aplicar dinheiro em corretoras de investimentos, resgatar rendimentos no exterior, pagar por aluguéis ou imóveis, receber pagamentos do exterior ou receber valores do Google AdSense;
  3. Informe os dados da conta de destino, com o nome do beneficiário e os dados bancários da conta no exterior;
  4. Confirme o valor de envio, já com a taxa de câmbio cobrada, mais uma taxa fixa de 1,3% e o valor do IOF. Para envio de quantias abaixo de R$ 2.500, é cobrada uma tarifa de R$ 5,90; para valores acima disso o remetente está isento da taxa;
  5. Transfira o dinheiro via TED para a Remessa Online, na conta informada. O dinheiro chegará ao destino em 1 dia útil após a identificação do pagamento.

Para ter mais dicas sobre o mundo dos investimentos, comércio exterior e ainda em como economizar nas suas remessas internacionais, acompanhe o blog da Remessa Online.

Assuntos relacionados