Dia de taxas de juros

Câmbio aguarda definição das taxas de juros no Brasil e nos Estados Unidos

Nesta quarta-feira o mercado de câmbio espera as decisões sobre taxas de juros no Brasil e nos Estados Unidos

Ontem o Dólar comercial fechou o dia cotado a R$ 3,9981 depois de ter aberto o pregão cotado a R$ 3,9874, ligeiro aumento à espera das decisões de hoje. O Euro teve comportamento análogo ao Dólar e apresentou variação positiva fechando o dia cotado a R$ 4.4427 depois de ter aberto em R$ 4,4284.

Hoje a moeda americana abriu a R$ 3,9992, enquanto que a moeda europeia abriu sem variação em relação ao fechamento do dia anterior.

Mercado na expectativa das taxas de juros

No Brasil o mercado está à espera da decisão do Comitê de Política Monetária (Copom) que deve realizar novo corte de 0,5% na taxa básica de juros, no entanto, o que mais interessa agora é acompanhar as entrevistas e comunicados para entender quais serão os rumos tomados a partir da decisão de hoje. O Banco Central do Brasil continuará a cortar a taxa básica de juros? Se sim, (algo que nós acreditamos) qual o tamanho dos próximos cortes? Além disso também são aguardados os resultados da política fiscal brasileira, IGP-M e fluxo cambial.

No exterior os olhares estão atentos ao mercado de trabalho norte-americano, que apresentou número melhor que o esperado pela média das estimativas do mercado. Em outubro a economia dos Estados Unidos gerou 125 mil novos postos de trabalho, cinco mil a mais que o esperado. Como a inflação está sob controle o o PIB cresceu mais que o esperado pelo mercado – informação divulgada hoje às 09:00 – é provável que o Banco Central dos Estados Unidos comunique que a política monetária seja flexível por um período mais prolongado.

Perspectivas para o dia

Real x Dólar

Dados positivos da economia dos Estados Unidos e da economia brasileira podem indicar que o período de relaxamento monetário seja ainda maior. O impacto disso sobre o câmbio e o mercado financeiro é muito diverso, mas podemos destacar que os efeitos mais pronunciados são: a valorização de ativos financeiros e a desvalorização do Dólar o mercado internacional.

Real x Euro

Na Europa a questão da antecipação das eleições para o início de dezembro deste ano no Reino Unido, deve gerar alguma turbulência, nada que impeça a valorização do Real frente ao Euro hoje.

André Galhardo é economista-chefe da Análise Econômica Consultoria, professor e coordenador universitário nos cursos de Ciências Econômicas. Mestre em Economia Política pela PUC-SP, possui ampla experiência em análise de conjuntura econômica nacional e internacional, com passagens pelo setor público.