As 4 razões que fortalecem o REAL AGORA

Dólar cai 2% com apoio dos governadores por pedido do presidente da república ao veto do ajuste no salário dos servidores.

4 razões para fortalescimento do real
Minuto Econômico Extraordinário

Olá galera do Telegram!

Estou fazendo esse vídeo extraordinário porque o dólar acelerou a queda e está caindo 2% agora.

Dólar caindo 2% AGORA

1,99% de queda.

Tudo começou, porque ontem, como a gente falou no Minuto Econômico – quem me acompanha já estava sabendo -, que o Roberto Campos Neto, presidente do Banco Central do Brasil, disse que pode aumentar a atuação se assim for necessário.

Pode vender dólar.

Outra frase dele, que também é de ontem: ele falou que ele tem espaço para venda das reservas e vai atuar até onde for necessário, vendendo dólar e não deixando oscilar sem volume.

Isso foi ontem.

Hoje, ele falou que a África do Sul cortou o juro em 0,5%: de 4,25% para 3,75%.

Isso para nos lembrar que, provavelmente, o Banco Central está certo em cortar a taxa de juros.

A África do Sul regula com a gente, é país emergente. É África do Sul, Turquia, México…

A Turquia também cortou o juro hoje!

Cortou mais 0,5% também. Foi de 8,75% ára 8,25%. Tudo isso corroborando para fazer o dólar aqui, cair.

O pessoal tem menos ímpeto de mandar dinheiro para esses países que cortaram o juro.

“Teoricamente”, sobra mais dinheiro para nós.

Ai eu olhei o dólar lá fora, e as moedas estão TODAS no zero-a-zero.

O dólar frente a uma cesta de moedas, o TXY, onde 60% desse índice, é o euro – e você tem também o dólar canadense, a libra esterlina e mais 3 moedas.

O dólar, frente ao TXY também está no zero-a-zero. O que eu quero dizer é que o que está acontecendo é local.

E nós sabemos que está acontecendo uma reunião do presidente da república com os governadores.

A gente já descobriu que não é lá fora.

Nessa reunião de hoje, o presidente pediu o apoio dos governadores para o veto do reajuste dos servidores e recebeu esse apoio.

Isso foi muito positivo e foi isso que fez acelerar ainda mais a queda.

Essa agora é a principal razão da queda: o apoio dos governadores ao pedido do presidente da república ao veto do ajuste no salário dos servidores.

Eu sou Pablo!

Bons negócios!

Vai tourinho!