Como investir na corretora DriveWealth

Conheça a DriveWealth, saiba como fazer o cadastro e como operar a plataforma.

Apesar de não figurar entre as maiores corretoras de investimentos do mundo, a DriveWealth se destaca por fatores como tecnologia e simplicidade. Entenda porque pode ser vantajoso usar a corretora para realizar investimentos em empresas estrangeiras.

No primeiro texto da nova série de investimentos no exterior, passamos por alguns dos principais tópicos sobre como você pode diversificar o seu portfólio ao investir no mercado financeiro internacional por meio de uma corretora estrangeira. Além de falar sobre como escolher e abrir uma conta em uma corretora, explicamos alguns tipos de investimentos e também como declarar os seus investimentos no exterior. Na lista das corretoras mais usadas pelos nossos clientes, você, um assíduo leitor de nossos textos, deve ter notado o nome DriveWealth.

Caso tenha buscado saber um pouco mais sobre cada uma das corretoras que nomeamos, notaria que a DriveWealth é apenas um peixe perto dos tubarões que compõem a lista. Então, naturalmente, você se intriga: o que essa tal de DriveWealth tem que compete com algumas das maiores corretoras do mundo? A resposta é simples: tecnologia.

Por que a DriveWealth

Antes de mais nada, um pouco sobre a DriveWealth: é uma corretora sediada nos Estados Unidos com o propósito de democratizar o investimento no mercado acionário americano, tornando-o disponível para todo o mundo a um preço acessível.

Resumindo, além de devidamente regulados pelos principais órgãos reguladores nos mercados em que atuam, eles possuem uma plataforma com alta tecnologia embutida que reduz custos e ineficiências presentes em plataformas de trading de corretoras tradicionais. Centenas de milhares de pessoas em mais de 150 países utilizam sua plataforma de corretagem.

Além disso, possuem aplicativos para iOS e Android de alta performance, o que possibilita um trading em tempo real e em grande escala. Indo um pouco mais além, vamos ao que de fato nos interessa: quais são as vantagens em se operar com a DriveWealth?

A DriveWealth no Brasil

A DriveWealth escolheu o mercado brasileiro como um dos destinos em sua estratégia de internacionalização de seus produtos. Uma vez altamente focados na excelência de seus serviços prestados aqui, criaram uma versão do website e uma plataforma totalmente em português. Ao longo do texto, vamos expor alguns dos benefícios de se operar no mercado internacional, além de mostrar um passo a passo de como abrir a sua conta na DriveWealth.

Quais são os custos?

Como comentamos no primeiro texto da série, é muito importante que você tenha em mente quais são os custos de corretagem que a corretora irá cobrar para usar sua plataforma. Vamos dar um exemplo de porque você deve ter em mente as taxas que serão cobradas: Suponha que a Corretora A cobre uma taxa fixa de US$ 5 para cada ordem, independentemente da quantidade de ações sendo compradas ou vendidas, que você envia ao mercado. Já a Corretora B cobra uma taxa de US$ 0,02 por ação que você compra ou vende. As tabelas abaixo ilustram dois cenários diferentes. Confira:

É muito importante que você tenha em mente quais são os custos de corretagem que a corretora irá cobrar para usar sua plataforma
Comparação de Custos

A tabela acima nos mostra a corretagem a ser cobrada no caso em que foram feitas 5 operações de compra ou venda em lotes padrões de 100 ações. Dado que os lotes negociados são baixos, a Corretora B, com o custo por ação negociada, é evidentemente mais barata que a corretora A, que cobra uma taxa fixa por ordem. Agora suponha que você é um investidor mais arrojado e goste de negociar grandes lotes de ações. A tabela abaixo ilustra um caso como esse:

É importante que você tenha em mente quais são os custos de corretagem que a corretora irá cobrar para usar sua plataforma
Tabela comparativa de custos

Existem diferentes formas de se cobrar taxa de corretagem que variam de corretora para corretora. Geralmente, elas oferecem diferentes pacotes para seus clientes, dando-lhes a oportunidade de escolher aquele mais econômico para seu perfil de negociação.

Agora voltemos para a DriveWealth. Com a missão de democratizar os investimentos, a DriveWealth instituiu uma política de baixo custo para as corretagens.

Há um custo de $0,0125 por ação comprada ou vendida, tendo um piso mínimo de $ 2,99 por transação. Ou seja, caso a quantidade de ações operadas multiplicada pelo custo de $0,0125 não ultrapassar $2,99, será cobrado esse último valor. Caso ultrapasse, será cobrado o valor mais alto. Para investidores não residentes, será cobrada uma única tarifa de $5,00 para que arque-se o custo de processamento do formulário W-8BEN.

Não existe uma taxa mínima mensal, mais conhecida como custódia, ou um saldo mínimo a ser mantido na conta.

Caso deseje utilizar a Plataforma Pro, ferramenta que contempla inúmeros tipos de análises grafistas e tantos outros benefícios, será cobrado uma taxa de S5,95 por transação.

Preciso fazer um depósito mínimo na DriveWealth?

Muitas corretoras aplicam uma política de depósito mínimo para que você comece a operar com eles. A DriveWealth não. Você pode começar a operar no Mercado financeiro enviando $10 ou $1000. A escolha é sua.

Como abrir uma conta na DriveWealth?

Acompanhe os passos abaixo e veja como é fácil abrir a sua conta na DriveWealth.

1. Acesse o site da DriveWealth e clique em “Abra uma conta”;

2. Preencha os dados iniciais solicitados e clique em “Continuar”;

Conheça a DriveWealth, como fazer o cadastro e como operar a plataforma.
Informações básicas para realizar o cadastro

3. Ao clicar em continuar, você deverá fornecer mais algumas informações. Preencha os campos com seu endereço completo, data de nascimento, telefone para contato, sexo e estado civil.

Na parte de Informação de Cidadania, a não ser que você seja um cidadão ou residente permanente norte americano, selecione a opção “Não” e escolha o seu país de cidadania. Em seguida, informe o número de algum documento oficial do emitido pelo governo brasileiro – pode ser RG, CPF ou passaporte. Vale notar que você não precisa de passaporte para poder abrir sua conta na DriveWealth.

Conheça a DriveWealth, como fazer o cadastro e como operar a plataforma.
Conheça a DriveWealth, como fazer o cadastro e como operar a plataforma.
Conheça a DriveWealth, como fazer o cadastro e como operar a plataforma.

4. A próxima seção é destinada a informações acerca de sua profissão. Não se preocupe, pois nenhuma informação é compartilhada com terceiros: todos os dados são protegidos e criptografados. Para a maioria das pessoas, a reposta para as três perguntas seguintes é “Não”. Entretanto, leia atentamente a definição de cada um dos termos que perguntam para que não haja mal entendidos futuramente, ok?

Conheça a DriveWealth, como fazer o cadastro e como operar a plataforma.

5. Em seguida, algumas perguntas que ajudarão a definir seu perfil de investidor. Como já falamos em um outro texto, é interessante você saber o seu perfil de investidor para que os seus interesses estejam alinhados com os serviços que a corretora te prestará. Assim, você poderá dormir tranquilo no fim do dia sabendo que seu dinheiro está investido em ativos cujos riscos você aceita em tomar.

Conheça a DriveWealth, como fazer o cadastro e como operar a plataforma.
Conheça a DriveWealth, como fazer o cadastro e como operar a plataforma.
Conheça a DriveWealth, como fazer o cadastro e como operar a plataforma.

6. Ao responder às perguntas de perfil de investidor, você será direcionado a uma página de assinatura virtual. Para abrir uma conta na DriveWealth, não é necessário ter documento reconhecido em cartório. Selecione a caixa de “Concordo com tudo acima” e escreva o seu nome por extenso. E basta. Apenas por curiosidade, o Brasil é um dos poucos países no mundo em que cartórios existem – não passa de um resquício da cultura colonialista por meio do qual o Estado pode coletar dinheiro dos seus cidadãos apenas para
“reconhecer” documentos. Em outras palavras, um entrave burocrático e oneroso à economia. Mas quem é que se importa?

7. Estamos quase lá. Agora você só precisa fazer o upload de um documento de identidade – RG, CNH ou, caso tenha fornecido o número de seu passaporte, uma cópia dele) e um comprovante de residência de até 90 dias. Vale ressaltar que se o comprovante de residência estiver em nome de seus pais, cônjuge ou terceiros, será necessário um documento que comprove o vínculo. Por exemplo:

  • Em nome de seus pais: o RG e a CNH possuem sua filiação, porém o passaporte não. Portanto, caso tenha escolhido o passaporte, você deverá fazer o upload de algum outro documento, como a certidão de nascimento;
  • Em nome do cônjuge: será necessário fazer o upload da certidão de casamento;
  • Em nome de terceiros: caso você more em um apartamento alugado, por exemplo, será necessário fazer o upload do contrato de aluguel. É importante que as fotos que você enviar estejam visíveis e em bom estado. Assim, a DriveWealth irá analisar os seus documentos e aprovar a sua conta em até um dia útil.

8. Pronto. Uma vez finalizados os passos acima, você já está pronto para enviar dinheiro para a sua conta na DriveWealth e começar a operar no mercado financeiro internacional. A Remessa Online possui as melhoras taxas para transferências internacionais. Veja aqui como é simples e escape de remessas burocráticas e taxas ocultas.

Como economizar nos seus investimentos no exterior

Com a Remessa Online você envia dinheiro para a sua conta na DriveWealth ou qualquer outra instituição financeira no mundo e retorna os seus ganhos ao Brasil de um jeito extremamente simples e com as melhores cotações. Não deixe de entrar em contato com a gente em caso de dúvidas ou sugestões para os próximos textos.