Como transferir Dólar para Real?

por Fabiana Lima
3 minutos de leitura
Como-transferir-Dólar-para-Real

Investimentos internacionais, filhos estudando em outro país, manutenção de imóveis no exterior e outros fatores exigem que quantias de dinheiro transitem entre o Brasil e outros países com frequência. Quem tem esse tipo de rotina precisa transferir dólar para real ou transferir real para dólar.

Mas esse nem sempre é um processo agradável de fazer, além da burocracia, existem custos que podem fazer com que a pessoa perca dinheiro. Isso sem falar na demora que pode ocorrer em muitos casos.

Se você precisa transferir dólar para real ou transferir real para dólar, mas não sabe qual o melhor método utilizar, continue lendo este conteúdo. Vamos mostrar quais são as opções que você pode usar.

Transferir dólar para real ou transferir real para dólar: veja as opções que podem te ajudar

Agências de câmbio

Um dos métodos mais antigos e populares de transferência de uma moeda para outra são as casas de câmbio. Nesses locais, dinheiro de diversos países entram e saem todos os dias, por isso o processo de transferência do dinheiro pode ser mais rápido.

Por outro lado, as agências de câmbio oferecem algumas desvantagens diante de outras opções disponíveis no mercado. A primeira delas é que o processo deve ser feito presencialmente. Ou seja, você precisa ir até uma unidade da agência para transferir dólar para real ou transferir real para dólar. 

Diante do cenário que estamos vivendo, de pandemia, as transações realizadas presencialmente podem ficar comprometidas. Tanto por causa da contaminação, quanto por causa das variações de horários.

Além disso, os custos das transferências feitas em agências de câmbio são maiores. As casas de câmbio cobram mais taxas e com valores bem acima de outros tipos de instituições que também oferecem o mesmo serviço.

Bancos

Você também pode transferir dólar para real ou real para dólar por meio de bancos físicos e digitais. Nesse caso, o primeiro passo é saber quais são os bancos que oferecem esse serviço, pois algumas instituições ainda não realizam, como é o caso do banco digital Nubank, por exemplo.

Depois de encontrar algumas opções, é importante levantar quais são as taxas que cada instituição oferece e fazer comparativos. Os bancos podem cobrar IOF, tarifa bancária e taxa de transferência. Esses são os custos mais comuns. No entanto, os valores podem variar de acordo com a instituição.

A maior desvantagem, além do custo, é o relacionamento com o banco. Você só vai conseguir transferir dólar para real ou transferir real para dólar no banco em que é correntista. Outra desvantagem é que o processo pode ser mais burocrático. Dependendo do banco, o processo não pode ser feito digitalmente, você terá que ir até a agência autorizar.

Remessa Online

A Remessa Online é um serviço de remessa internacional. Por meio da nossa plataforma, você consegue transferir dólar para real e transferir real para dólar. O processo é bem simples, você faz um cadastro rápido no site, com apenas algumas informações e aguarda a aprovação do sistema.

Seus dados são verificados e a conta é liberada. Depois, notifique a pessoa que vai fazer a remessa e assim que o dinheiro for transferido você recebe uma notificação por e-mail. É bem simples e rápido.

A Remessa Online também tem tarifas menores do que as dos bancos. Você paga o câmbio comercial do dia da transferência, o custo da operação, o IOF e uma tarifa bancária. Veja quais são os custos:

  • • Custo da operação: a partir de 1,3% para transferir para dólar;
  • • IOF: 0,38 para conta de terceiros ou 1,1%, para a própria conta no exterior;
  • • Tarifa bancária: R$ 5,90, que pode ser zerada dependendo do valor transacionado.

Além disso, você consegue fazer uma cotação do câmbio para saber exatamente o custo da transferência naquele dia. Quer saber mais sobre a Remessa Online? Acesse o site e cadastre-se!

Assuntos relacionados