Demora do Reino Unido em lidar com o Covid-19 prejudica Libra Esterlina

No Reino Unido, demora do governo para tomar medidas mais sérias para conter a epidemia de Covid-10 gerou críticas. Libra esterlina se desvalorizou ao longo da semana.

Libra estrlina desvaloriza ante real nessa semana

A libra esterlina tem registrou um desempenho pouco usual esta semana – respeitadas as devidas proporções. O real se fortaleceu e a libra se enfraqueceu. Parte significativa da explicação para este movimento foi a demora do Reino Unido em tomar atitudes mais severas para combater o Covid-19.

A semana começou, por exemplo, com a divulgação de um estudo liderado pelo cientista britânico Neil Ferguson com projeções catastróficas: haveria 1,2 milhão de mortes nos Estados Unidos e 250 mil no Reino Unido sem a adoção de restrições severas à circulação.

Somente a partir de quarta-feira (18), que o primeiro ministro britânico, Boris Johnson, anunciou medidas de contenção, mas que passaram a ter efeitos a partir de sexta-feira (20). Assim sendo, a libra esterlina abriu o pregão de segunda-feira (16) cotada a R$ 5,9685 e registrou, na abertura do pregão de sexta-feira, a cotação de R$ 5,8573, uma desvalorização da moeda britânica em relação ao real de 1,86%.

Leia também as análises da semana para o dólar e para o euro.