Europass: O que é e Como Funciona

O Europass tem se configurado como a forma mais descomplicada e prática para se conhecer a Europa. Além disso, também é uma maneira que pode ajudar o viajante a conhecer muitos lugares gastando menos. Confira tudo sobre Europass no post abaixo.

O Europass trata-se de um “passe” que permite que seu portador viaje por diversos países europeus, por meio de rotas ferroviárias. Como a Europa é muito bem servida de ferrovias tanto nacionais quanto internacionais, é possível conhecer o continente praticamente inteiro de trem.

Os diferentes tipos de Europass

Existem quatro tipos de Europass, cada um voltado a um tipo de público. Eles são:

1. InterRail Pass

Este passe é exclusivo para moradores da União Europeia e costumam ser mais baratos que os dos viajantes.

O passe não funciona no país em que o passageiro reside, mas possuei diversas possibilidades de uso.

2. One Country Pass

Neste tipo de passe você escolhe um país e viaja uma quantidade determinada de vezes por um período de dois meses. O número de dias disponíveis para a viagem depende do país que vai ser escolhido. Há alguns que permitem viagens ilimitadas.

3. Eurail Select Pass

Escolha o melhor tipo de Europass de acordo com seu perfil de viajante.
Escolha o melhor tipo de Europass de acordo com seu perfil de viajante.

Este costuma ser o mais usado por quem planeja um mochilão pela Europa.

O passe é válido para de dois a quatro países vizinhos e em dias selecionados em um período de dois meses, o que permite que o viajante fique por algum tempo para conhecer cada país.

Outro benefício é que nos dias de viagem, o passageiro pode entrar quantas vezes desejar dentro de um novo trem.

4. Eurail Global Pass

Este passe é para quem quer viajar por toda a Europa sem se preocupar com limites, sendo ideal para quem quer passar muito tempo viajando e não tem limite de tempo.

O Europass Global tem validade para quase 30 países e permite viagens ilimitadas dentros deles.

O período varia de cinco e pode chegar a até noventa dias consecutivos.

O que atentar na hora de optar pelo Europass

1. A escolha dos países

Para ter vantagem no uso do Europass, é necessário checar se os países são vizinhos.

Ainda que você não queira descer em algum dos países que a rota fizer, vai ter que pagar um passe por ele.

Para não ter prejuízos, escolha países vizinhos.
Para não ter prejuízos, escolha países vizinhos.

2. A taxa de reserva do assento

Ao compra o Europass, você vai precisar ir buscar o atendimento da companhia que vai fazer a viagem e pagar a reserva pela taxa de assento, que pode custar até 30 euros.

Há companhias que não cobram a reserva. Assim, é preciso verificar com antecedência para não ser pego de surpresa.

3. Vantagem de viagens noturnas

As viagens noturnas costumam ser uma vantagem para quem tem pouco tempo para viajar e quer aproveitar mais.

Se o trajeto começa após as 19h e a viagem termina no dia seguinte, só vai ser marcado no Europasse o dia do desembarque.

Como comprar o Europass

Comprar o Europass antes ajuda a planejar melhor a sua viagem.
Comprar o Europass antes ajuda a planejar melhor a sua viagem.

Você pode comprar o seu Europass quando estiver na Europa ou com antecedência pela internet, no site da Eurail.

Comprar com antecedência é mais indicado, pois você pode planejar melhor a rota, os países escolhidos e quando tempo vai passar em cada um.

No próprio site é possível, de forma descomplicada, fazer o planejamento e também você recebe a indicação dos melhores passes e valores.