Descubra como conseguir um green card para viver nos EUA

Descubra como conseguir o green card

Veja o que é o green card, sua função, diferenças da cidadania norte-americana, como consegui-lo e quais os direitos e deveres de quem o possui

Se você já teve interesse em morar nos Estados Unidos ou simplesmente fez uma breve pesquisa a respeito do assunto, provavelmente se deparou com a necessidade de ter um documento chamado Green Card. Oficialmente chamado de US Permanent Resident Card, ele pode ser traduzido livremente como Cartão de Residência Permanente nos Estados Unidos.

Ou seja, o cartão verde é como se fosse um visto de residência permanente no país que concede ao cidadão o direito de viver e trabalhar de forma totalmente legal em território norte-americano. Mas como será o processo e os requisitos para obtenção do documento?

Neste artigo, montamos um panorama completo a respeito do Green Card. Além de descobrir o que é e qual a sua função, você vai entender quais são os principais desafios envolvendo o assunto, o que é a loteria Green Card e como um brasileiro pode conseguir um visto permanente para viver nos Estados Unidos. Continue a leitura e descubra!

O que é o Green Card?

O Green Card  é um visto de residência permanente nos Estados Unidos. Isso significa que quem possui um cartão verde, tem o direito de trabalhar e viver de forma permanente em território norte-americano.

Além disso, os cidadãos que possuem o cartão têm acesso à educação, assistência médica e vários outros benefícios oferecidos pelo governo do país. 

Entretanto, o Green Card apresenta algumas regras restritivas. Por exemplo, se o cidadão quiser se ausentar dos Estados Unidos por mais de um ano, ele precisa notificar a imigração do país, sob o risco de perder o direito ao residência permanente no país.

Muito embora ele conceda vários direitos ao cidadão, como a residência permanente, ele não concede o direito de votar e nem de se eleger a cargo público.

O Green Card não é um documento vitalício, razão pela qual deve ser renovado periodicamente. Geralmente esse prazo é de 10 em 10 anos.

A longo prazo, quem ganha o Green Card pode solicitar a cidadania americana sem afetar a sua cidadania de origem. Entretanto, as regras para obtenção da cidadania são bem rigorosas, por isso nem todas as pessoas encaminham o pedido.

Qual é a diferença entre o Green Card e a cidadania americana?

Uma pessoa só pode ser considerada cidadã americana se ela nascer nos Estados Unidos, nascer fora do país mas for filho de um norte-americano (pai ou mãe) ou se encaminhar um pedido de naturalização.

O Green Card consiste em um pedido de residência permanente, o que é diferente de um pedido de naturalização. Por isso tratam-se de dois institutos distintos.

A naturalização é um processo demorado que envolve questões governamentais e até de segurança do país. Além disso, o requerente do pedido de naturalização precisa permanecer nos EUA durante todo o processamento do seu pedido, além de ter que comprovar que morou no país legalmente, por um período de no mínimo, 05 anos.

Morar legalmente no país implica em ter um Green Card, por isso algumas pessoas confundem a cidadania com o direito de residência permanente.

green card
Muitas pessoas confundem a cidadania com o direito de residência permanente, que é a função do green card

Qual é a função do cartão verde?

Basicamente, a função do Green Card é de tornar legal a moradia de um estrangeiro em território americano. Vale destacar que o documento não afeta a cidadania de origem desse estrangeiro.

Como conseguir um Green Card?

Só são elegíveis para ter direito ao visto permanente de residência, aquelas pessoas que atendem aos requisitos exigidos pelo governo americano:

  1. Ter um familiar (preferencialmente de primeiro grau) que já seja cidadão americano e possa patrocinar o seu Green Card.
  2. Possuir algum tipo de visto para os Estados Unidos que permita a solicitação do cartão verde. Os mais conhecidos são: visto EB-5, de trabalho (H-1B) e de transferência (L1). 
  3. Casamento com um cidadão ou uma cidadã americanos; ou,
  4. Ganhar o Green Card por meio de uma loteria, que é realizada anualmente nos Estados Unidos. Infelizmente o Brasil não está no rol de países que podem participar desse sorteio em 2019.

O que é a Green Card Lottery?

Trata-se de uma loteria anual que é organizada e realizada pelo Departamento de Estado dos Estados Unidos da América que tem o objetivo de dar a oportunidade para que 50.000 pessoas possam obter o visto de residência permanente no país.

A grande questão é que estes vistos são reservados para nativos de países que têm uma baixa taxa de imigração para o país, o que não é o caso do Brasil, que já possui muitos imigrantes morando e trabalhando em território americano. Por isso os brasileiros não são elegíveis para a Green Card Lottery.

Entretanto, é interessante conhecer algumas curiosidades a respeito da loteria:

  1. Normalmente, o período de inscrição para o sorteio é de apenas um mês, e os inscritos não tem muitas oportunidades de corrigir eventuais erros cometidos na apresentação dos documentos.
  2. A simples apresentação de formulários incorretos já pode desclassificar o candidato.
  3. Todo os anos o Departamento de Estado informa quais são os países elegíveis para a loteria, a informação é obtida com base na análise das menores taxas de imigração no país nos últimos cinco anos.
  4. Se você nasceu no país elegível, é cônjuge de uma pessoa que nasceu no país elegível e tem o mesmo sobrenome que ela ou se, pelo menos, um dos seus pais nasceu no país elegível, você poderá participar do sorteio.

Quais são os direitos e obrigações de quem possui um Green Card?

Ter um visto de residência permanente pode ser muito vantajoso para quem pretende construir sua vida ou carreira nos Estados Unidos. Entretanto, não são só de direitos que vive o detentor de Green Card, o documento também traz consigo uma série de obrigações que devem ser observadas pelo cidadão:

  1. Pagamento de impostos estaduais e federais;
  2. Registro junto ao Serviço Militar – aplicável aos homens na faixa etária dos 18 aos 25 anos;
  3. Caráter moral;
  4. Morar de fato no país, ausências superiores a 12 meses podem ser razão para a perda do Green Card.

Em contrapartida, o visto permanente concede ao cidadão o direito de viver e trabalhar em qualquer lugar dos EUA, garanta a proteção do cidadão nos termos da legislação local, estadual e federal; garante acesso ao sistema educacional e assistência médica e oportuniza o direito de solicitar a cidadania americana após transcorrido o prazo de, pelo menos, cinco anos de residência permanente.

Como você pode ver, não é qualquer pessoa que pode ter direito ao Green Card . Para avaliar qual a melhor opção de visto para o seu caso, é importante consultar o Consulado Geral dos Estados Unidos e analisar em que pedido de visto você se encaixa.

Você gostou deste artigo? Então aproveite para aprofundar o seu conhecimento sobre as normas estadunidenses envolvendo obtenção de documentos. Veja este post especial da Remessa Online sobre o ITIN Number e entenda a função do Número Individual de Identificação do Contribuinte.

Resumindo

O que é Green Card?

O Green Card é um visto de residência permanente nos Estados Unidos. Ele também é chamado de US Permanent Resident Card.

Quem pode ter um Green Card?

Só tem o direito ao visto permanente de residência os cidadãos que:
1. Tenham um familiar (preferencialmente de primeiro grau) que já seja cidadão americano e possa patrocinar o Green Card.
2. Já possuam algum tipo de visto para os Estados Unidos que permita a solicitação do cartão verde. Os mais conhecidos são: visto EB-5, de trabalho (H-1B) e de transferência (L1). 
3. Que casem com um cidadão ou uma cidadã americano (a); ou,
4. Que ganhem o Green Card por meio de uma loteria, que é realizada anualmente nos Estados Unidos. O Brasil não está no rol de países que podem participar deste sorteio.

Como conseguir o Green Card?

Para conseguir um cartão verde é preciso preencher os requisitos exigidos pela legislação americana. A solicitação deve ser feita por meio do preenchimento de formulário específico disponibilizado pelo Governo Americano de acordo com as particularidades de cada caso.