Código SWIFT / BIC – Tudo Sobre

taxa SWIFT

Índice
Onde encontrar o código Swift?
Como é o código Swift?
Quanto custa o serviço Swift?
Como funciona o sistema Swift?
A história da Swift?

Na hora de fazer uma transferência internacional, um dos dados essenciais é o código SWIFT, e uma das taxas pagas é a taxa SWIFT. Uma taxa e um código com o mesmo nome? Sim, isso mesmo, entenda por quê.

SWIFT é a sigla para Society for Worldwide Interbank Financial Telecommunication ou Sociedade de Telecomunicações Financeiras Interbancárias Mundiais, em português.

Ela conecta instituições financeiras pelo mundo para permitir o envio e o recebimento de dinheiro.

O código SWIFT, também conhecido como BIC, permite que as contas das instituições financeiras ao redor do mundo se conectem e a transferência de valores aconteça. Além do código SWIFT é necessário o IBAN, que identifica a conta do beneficiário para transferências internacionais.

Para que esse processo seja feito, cobra-se uma taxa, que ajuda a manter o sistema em funcionamento. Em resumo, a taxa SWIFT ou taxa de transferência é cobrada para que se possa usar o código SWIFT.

Onde encontrar o código Swift?  índice

Ele pode ser encontrado no contrato de abertura de conta, no extrato bancário ou na seção de transferências internacionais nos sistemas online dos bancos.

Também é possível encontrar ou conferir um código no site da SWIFT. Você vai precisar do nome do banco, cidade e país para onde o dinheiro será enviado.

encontrar ou conferir um código no site da SWIFT
encontrar ou conferir um código no site da SWIFT

Como é o código SWIFT  índice

Infográfico mostra estrutura do código SWIFT
O código SWIFT é constituído de 8 a 11 caracteres,
sendo que os 8 primeiros são obrigatórios e os 3 últimos opcionais.

Exemplo:

AAAA BB CC DDD

AAAA – Código da instituição, somente letras
BB – Código do país, somente letras
CC – Código de localização, letras e códigos
DDD – Código da agência, letras e dígitos (opcional)

Quanto custa o serviço SWIFT  índice

O valor cobrado pelo sistema SWIFT é fixo em 20 dólares americanos, mas alguns bancos podem cobrar um valor maior pelo serviço.

A Remessa Online não cobra SWIFT

Em operações de USD 1.500 ou o equivalente pela Remessa Online não têm cobrança de SWIFT.

A taxa é absorvida pela plataforma, deixando as transações mais baratas do que os bancos tradicionais.

A informação da SWIFT aparece no recebido de cada operação realizada. Nos casos em que a taxa é isenta, o valor aparece zerado.

Como funciona o sistema SWIFT  índice

A operação não é feita com dinheiro em espécie, a transferência de valores de um banco para outro se dá por meio de dados criptografados.

O sistema codifica as informações enviadas pela rede para assegurar o sigilo e evitar fraudes.

Cada banco tem um código SWIFT único, que é identificado pela rede para concluir a operação e, assim, transferir o valor de uma conta a outra.

A história da SWIFT  índice

A Sociedade de Telecomunicações Financeiras Interbancárias Mundiais foi fundada em 1973, por 293 bancos de 15 países, com sede na Bélgica.

Em 1977, o sistema de mensagens entre os bancos passou a operar e, já nos primeiros 12 meses, foram trocadas 10 milhões de mensagens.

No último levantamento feito pela SWIFT, em 2014, o sistema contava com mais de 10 mil usuários e cerca de 56 bilhões de mensagens trocadas entre as instituições.

Consulte em nossa página os códigos SWIFT/BIC de todos os bancos do mundo.

Resumindo

Para que serve o código Swift?

O código SWIFT, também conhecido como BIC, permite que as contas das instituições financeiras ao redor do mundo se conectem e a transferência de valores aconteça. Além do código SWIFT é necessário o IBAN, que identifica a conta do beneficiário para transferências internacionais.

O que é Swift?

SWIFT é a sigla para Society for Worldwide Interbank Financial Telecommunication ou Sociedade de Telecomunicações Financeiras Interbancárias Mundiais, em português.

+ CONTEÚDOS RELACIONADOS