Real vs Dólar: depreciação do Real

Ao longo desta semana, vimos uma depreciação do Real de aproximadamente 1,04%, revertendo o movimento da semana anterior.

Do ponto de vista do Dólar, o movimento da moeda tem sido fortemente embasado nas expectativas em relação ao recente plano econômico apresentado por Biden.

O plano “assusta” por sua magnitude, afinal, são aproximadamente US$ 1,9 trilhão, mas o que mais salta aos olhos é a preocupação com o impacto dessa injeção de recursos. 

Por um lado, os recursos podem reativar a economia estadunidense e colocá-la nos trilhos de um crescimento robusto novamente, resgatando as perdas com a crise sanitária até 2022.

Por outro lado, o volume de investimentos pode superaquecer a economia estadunidense, acelerar a  inflação e aumentar a dívida pública de modo que o impacto do pacote de Biden seja negativo e não positivo. 

Por fim, é importante lembrar que, no Brasil, o ponto alto desta curta semana foi a prisão do deputado da base governista, Daniel Silveira (PSL-RJ), por conta de ofensas direcionadas ao STF.

Em meio a esse cenário, a moeda estadunidense abriu a quarta-feira (17), cotada a R$ 5,3707. Por outro lado, nesta sexta-feira (19), a moeda abriu o pregão cotada a R$ 5,4267. Com isso, vimos uma depreciação do Real de aproximadamente 1,04% ao longo desta semana, revertendo o movimento da semana anterior.

Confira o De Olho no Câmbio #109, a relação Real vs Libra Esterlina e do Real vs Euro.