Dólar abriu esta quarta-feira cotado a R$ 5,3233; o Euro, a R$ 6,4984

Para esta quarta-feira, em um movimento diferente dos dias anteriores, a tendência é de valorização do Real frente ao Dólar e ao Euro. Confira!

O dólar comercial fechou o pregão da última terça-feira (12), a R$ 5,3226, após ter começado o dia cotado a R$ 5,4893, uma variação intradiária de -3%. O Euro fechou o pregão a R$ 6,4962, com variação diária de -2,6% após ter iniciado o dia em R$ 6,6706.

A moeda americana iniciou esta quarta-feira (13) cotada a R$ 5,3233 e o Euro abriu o dia cotado a R$ 6,4984. 

Agenda de hoje

No exterior, os principais indicadores econômicos virão da Zona do Euro e dos Estados Unidos. Na Europa é dia de conhecer a produção industrial relativa ao mês de novembro, enquanto que nos Estados Unidos será divulgado o índice de preços ao consumidor relativo a dezembro e o Federal Reserve divulgará o Livro Bege.

No Brasil, o IBGE divulgará os dados do setor de serviços relativos a novembro e os dados da produção agrícola no país. O Banco Central divulgará o fluxo cambial semanal.

Perspectiva para o dia

Real x Dólar

Estimar o câmbio enquanto um presidente americano enfrenta pela primeira vez na história dois processos de impeachment tem sido uma dura tarefa, no entanto, as ações de membros do Partido Republicano e do Federal Reserve nos dão uma pista do que pode ser hoje.

Primeiramente é importante destacar que, caso se confirmem as expectativas da leitura mensal, a inflação anual americana deve ter fechado 2020 com aumento de 1,3%, muito inferior ao limite estabelecido no país, o que nos faz acreditar que houve, de fato, um mal entendido sobre a suspensão dos estímulos monetários ainda em 2021.

Além disso, Trump continua sua luta antes de deixar o cargo, o que tem atraído o descontentamento de correligionários congressistas. Um possível impeachment ganha força a cada nova declaração do presidente americano.

Diante disso, a tendência diária é de valorização do real.

Real x Euro

Os indicadores europeus não devem trazer alguma pressão sobre o câmbio nesta quarta-feira. Os investidores europeus também estão de olho no desdobramento da situação política nos Estados Unidos.

A tendência diária é de valorização do real.