O que é Retrofit? Saiba como aumentar o valor de um imóvel

por Remessa Online
3 minutos de leitura
O que é retrofit: interior de uma casa em construção

Emergido nos Estados Unidos e da Europa, o processo de retrofit, considera as particularidades das edificações, visando manter e preservar a sua identidade e tudo aquilo que há de bom na estrutura, adequando, dentro do possível, à modernização. Por isso ele pode ser considerado um processo de revitalização que eleva a vida útil de um determinado imóvel, preservando a sua forma essencial.

Na prática, podemos dizer que o retrofit é um processo sustentável, muito utilizado no mercado em projetos, construções e inovações tecnológicas. Neste post, você vai entender melhor o que é o retrofit, tirando as principais dúvidas envolvendo o assunto. Confira!

O que é Retrofit e para que ele é utilizado? 

O Retrofit surgiu para solucionar obstáculos em estruturas, edifícios e equipamentos ultrapassados ou em condições inadequadas para utilização, proporcionando melhoras tecnológicas e estruturais, corrigindo distorções acumuladas com o tempo, adicionando um tempo de vida extra, bem como, preservando o patrimônio histórico ou sua estrutura básica. 

Em alguns países, como o Brasil, patrimônios tombados, históricos, as legislações não permitem que a estrutura arquitetônica seja substituída ou modificada, sem manter sua história e origem. Tendo em vista esse óbice, a opção é a restauração, e assim criou-se o processo de “retrofit”, para tornar essas edificações sustentáveis e adaptando a estrutura de acordo com novas tecnologias. 

O processo pode ser utilizado em edifícios, preservando sua história e estrutura, em equipamentos, como ar condicionado, e também com instalações elétricas ou hidráulicas, ultrapassadas ou avariadas. O Retrofit, pode ser empregado em proteção contra incêndios, soluções para exterior de uma edificação e em locais de grande circulação. 

Qual é a diferença entre o retrofit e uma reforma?

O retrofit é um processo planejado, projetado e executado, com o objetivo principal de manter as características originais do edifício ou equipamento. Esse projeto torna-se mais caro, com contratação de obra especializada, seguindo normas rígidas e atenção maior com os materiais a serem utilizados no processo. 

Outra diferença, são as etapas que vão ocorrer em determinado projeto do processo do retrofit, utilizados em revitalizações de grandes áreas. 

Quais são as principais vantagens deste recurso e como pode aumentar o valor do imóvel?

No país, a procura do processo do retrofit aumentou nos últimos anos, com a preocupação com o patrimônio histórico, sustentabilidade e conservação de grandes áreas urbanas, e até mesmo com o cuidado da segurança, economia na energia, atendimento de regras, qualidade na atmosfera. Como resultado, veja as principais vantagens deste recurso:

  • Valorizar o projeto no mercado imobiliário; 
  • Sustentabilidade apropriada a edificação; 
  • Modernização de instalações; 
  • Revitalização de grandes espaços urbanos; 
  • O processo atende normas e regras atuais de segurança e tecnologia. 

Assim, escolhendo o processo retrofit, além de reduzir os altos custos de manutenção, aumentar a vida útil do seu imóveis, e evitar contratempos com estruturas inadequadas, o imóvel consequentemente torna-se atrativo e valorizado no mercado imobiliário.

Quais são os cuidados que devem ser tomados na elaboração do retrofit e etapas da obra?

A elaboração do processo de retrofit deve ser feita por profissionais especializados na área, como engenheiros e arquitetos. Outro cuidado é reduzir os impactos gerados pela obra, observando medidas de intervenção de forma estruturada e planejada. Organização com as equipes e recebimento de materiais. 

Após o planejamento e estrutura para o começo do processo, veja algumas etapas da obra a serem respeitadas: 

  • Analisar e mensurar os impactos da obra; 
  • Desenvolver o projeto; 
  • Planejar a obra; 
  • Demolição de forma controlada, observando a estrutura e projeto existente; 
  • Adaptação de sistemas hidráulico, elétrico e sanitário; 
  • Execução de fechamentos da obra, posterior, pisos e acabamentos. 

Com a tendência da utilização do processo de retrofit, para revitalizar imóveis e espaços urbanos, podemos adequar a história em ambientes adaptados com tecnologia atual e sustentabilidade. Os benefícios do retrofit, podem tornar seu imóvel moderno e encantador, respeitando as normas vigentes e unindo o passado ao presente. 

Gostou de saber o que é retrofit e como ele funciona na prática? Então aproveite para conferir este post especial sobre o aumento de investimentos na construção civil e as perspectivas para este mercado.

Resumindo

O que é Retrofit e para que ele é utilizado? 

O Retrofit surgiu para solucionar obstáculos em estruturas, edifícios e equipamentos ultrapassados ou em condições inadequadas para utilização, proporcionando melhoras tecnológicas e estruturais, corrigindo distorções acumuladas com o tempo, adicionando um tempo de vida extra, bem como, preservando o patrimônio histórico ou sua estrutura básica.

Quais são as principais vantagens do retrofit?

Valorizar o projeto no mercado imobiliário; 
Sustentabilidade apropriada a edificação; 
Modernização de instalações; 
Revitalização de grandes espaços urbanos; 
O processo atende normas e regras atuais de segurança e tecnologia.

Assuntos relacionados