Pablo Spyer: S&P melhora expectativa de nota de crédito do Brasil

por Remessa Online
3 minutos de leitura
S&P melhora expectativa de nota de crédito do Brasil. Crédito: Marcelo Casal Jr/Agência Brasil

Reputação do Brasil como destino seguro para investimentos melhora em uma das principais agências de risco do mundo, a S&P – Standard & Poor’s. Dólar segue tendência de queda e risco país também diminui. Taxa básica de juros é cortada ao menor nível da história.

Bom dia Brasil!

Hoje a notícia vermelha mais importante é que a S&P, agência de risco super respeitada, mudou a perspectiva do Brasil de estável para positiva. Isso veio coroar uma super quarta repleta de notícias positivas.

O Banco Central aqui confirmou a expectativa dos economistas e cortou os juros para 4,5% – o menor nível da história. O Federal Reserve não cortou o juro lá fora e diz que pretende não cortar em 2020, vai vir mais dinheiro para o Brasil.

O plenário da câmara aprovou a regulamentação do saneamento. Isso é muito positivo, não só por causa de algumas ações que irão subir na bolsa. Mas é porque é para aí que virão os investimentos. É trabalho, é construção, é capacete, é trabalho para o povo. O Brasil vai crescer mais ainda.

Tudo isso culminou num risco país bem mais baixo. O risco país ficou abaixo de 110 e isso é bem importante para nós.

Vale lembrar que a Fitch, há alguns dias atrás revisou a perspectiva de crescimento do nosso PIB. Todas as agências de risco estão melhorando. E a Moody’s ano passado disse que iria se manifestar esse ano. Vamos ver…

Lá fora todas as bolsas estão operando no positivo. Os Estados Unidos estão com 0,15% de alta e a Europa está com 0,2% de alta.

Notícias importantes vindas da Europa: Hoje teremos eleições no Reino Unido. Vamos saber se o Boris Johnson consegue fazer ou não o Brexit dele.

Bom meus amigos, é isso aí! O dia é positivo!

Eu sou o Pablo, bons negócios!

Vai tourinho!

Pablo Spyer é diretor da Mirae Asset CCTVM e conselheiro da Ancord.

Assuntos relacionados