Quer trabalhar no Japão? Conheça esses 5 sites de emprego para quem quer trabalhar na terra do sol nascente

Dicas para trabalhar no Japão

O Japão é um dos países mais seguros e modernos do mundo. A inteligência e capacidade de trabalho são uma referência mundial e desperta o interesse de muitos profissionais do mundo inteiro. Com o incentivo a empregos para estrangeiros, a oferta cresceu, exigindo atenção e preparação de quem deseja trabalhar e morar no Japão.

Você sabia que é possível trabalhar no Japão? Inclusive, o país asiático é um dos mais procurados nos últimos tempos para estudar, trabalhar e morar. A modernidade e a tecnologia avançada são motivos de sobra para partir em busca de uma experiência profissional.

O Japão, ao enfrentar uma escassez de mão de obra qualificada, entrou no chamado processo de internacionalização. Antes fechado para a imigração de não japoneses, com o envelhecimento acelerado da população, decidiu abrir as portas.

Com isso, as oportunidades de um estrangeiro conseguir emprego e mudar de vez para o país asiático se ampliaram. Neste post trazemos informações sobre empregos no Japão e os principais sites com divulgação de vagas.  Boa sorte!

Por que escolher o Japão

Os chineses acreditavam que o sol nascia no Japão, por isso o país ganhou o título de "Terra do Sol Nascente"
Os chineses acreditavam que o sol nascia no Japão, por isso o país ganhou o título de “Terra do Sol Nascente”

Os chineses acreditavam que o sol nascia no Japão, pois, quando olhavam logo ao amanhecer para o extremo Leste, onde se encontra o território japonês, viam o astro-rei surgindo e com ele a denominação terra do sol nascente.

Embora o sol nasça em qualquer lugar de acordo com o fuso horário, o termo se manteve como suficiente para criar uma atmosfera nostálgica e contemplativa em torno desse país tão surpreendente.

Os hábitos simples e a educação do japonês, aliados a uma modernidade inigualável, que mesmo avançada não deixa perder a essência de uma nação milenar, com tradições ancoradas no respeito e na gentileza, são também razões para escolher o Japão.

Com o passar do tempo, a tecnologia tomou conta de diversos setores no Japão. O país que mantinha uma cultura isolada e diferente do restante do planeta abriu-se, pois, a inteligência dos jovens japoneses ultrapassaram fronteiras.

Um país que gera empregos

Mesmo conservando o tradicionalismo, o Japão apresentou ao mundo grandes invenções e soluções resultantes da automação. Os robôs, as luzes que acendem e apagam automaticamente, as privadas inteligentes, tudo isso não foi o suficiente para suprir a necessidade de gente para operar as máquinas.

Apesar do elevado nível de automação da economia japonesa, ainda há demanda por trabalhadores a ser preenchida
Apesar do elevado nível de automação da economia japonesa, ainda há demanda por trabalhadores a ser preenchida

Com um volume grande de japoneses idosos, trabalhar no Japão é um sonhou que passou de pouco provável a uma possibilidade concreta.

Desde o final de 2018 a legislação passou por uma revisão no modo de admissão de trabalhadores estrangeiros.

Ainda que os empregos estejam disponíveis, o processo não é simples, uma vez que as questões de segurança e manutenção da cultura são condições essenciais para quem deseja se inserir na sociedade nipônica.

O que é preciso fazer para trabalhar no Japão

Há dois tipos de vistos oportunizados pelo Japão a candidatos estrangeiros. Para começar, um estrangeiro que deseja trabalhar no Japão deve ser apadrinhado por uma empresa local. Há um teste de proficiência do idioma e alguns exames a que o candidato deve se submeter para ser considerado apto à vaga.

Nesse primeiro formato, a permanência é limitada a cinco anos, podendo ser renovado. Porém, os familiares não serão admitidos para morar no país. O segundo tipo de visto permite a entrada e permanência da família, atendendo a critérios específicos.

Para trabalhar no Japão, é preciso ser apadrinhado por uma empresa local
Para trabalhar no Japão, é preciso ser apadrinhado por uma empresa local

5 sites de empresa para ir trabalhar no Japão

Para conseguir um emprego no Japão é fundamental dominar o idioma japonês, sendo um diferencial se souber também falar inglês. Há vagas nas áreas de turismo, programação, idiomas, publicidade, engenharia, designer, tecnologia.

Alguns sites e agências fazem a ponte entre o candidato e as ofertas de emprego no Japão. Confira 5 opções para você realizar buscas e conquistar uma boa vaga e conseguir ir trabalhar no Japão.

1. Gaijinpot

Site especializado em empregos para estrangeiros, que disponibiliza diversos vídeos sobre o trabalho, o estudo e a moradia no Japão.

2. JREC-In

Site recomendado para quem já tem mestrado ou doutorado e deseja atuar em pesquisa ou atuar na área acadêmica.

3. JobsinJapan

Site com abrangência mundial disponível para candidatos que desejam uma experiência profissional no Japão. Mesmo que o candidato não domine tão bem o idioma japonês existe a possibilidade de conseguir um emprego.

4. Daijob

Para quem tem boa fluência em japonês e também em inglês esses é um site de empregos não apenas para estrangeiros. Os candidatos competirão em igualdade com os nativos.

5. TGK RH

Agência de turismo e consultoria de viagem, estabelecida no Brasil, para pessoas interessadas em trabalhar no Japão. É um serviço pago, de direcionamento que não garante o emprego.

Trabalhar no Japão pode ser um sonho, mas requer planejamento e preparação. Somente dominar a língua não é o suficiente para garantir uma vaga de emprego — nos sites, as vagas estão detalhadas e de acordo com a formação e profissão.

Se você gostou deste post e estuda a possibilidade de trabalhar na terra do sol nascente que tal conhecer as melhores cidades para morar no Japão? Pode ajudar na aplicação para as vagas de emprego!

Resumindo

Quem pode trabalhar no Japão?

Qualquer pessoa que tenha a documentação necessária. O Japão é um país aberto, com diversas oportunidades de trabalho.

Quanto ganha um brasileiro que trabalha no Japão?

Em média ¥848 por hora — o que equivale a R$26,20.

Como levar dinheiro para o Japão depois de aprovado em uma vaga de emprego?

Mesmo que você consiga um emprego no Japão, vai precisar de uma reserva de dinheiro para se estabelecer nos primeiros meses. O iene é uma moeda barata em relação ao real, o que ajuda a custear as despesas de forma equilibrada.
A melhor forma de enviar dinheiro é transferindo de forma online. Basta abrir uma conta internacional e programar as remessas conforme a necessidade. O período de adaptação e experiência em um novo cenário corporativo será até mais fácil com essa segurança.