Dólar abriu esta sexta-feira cotado a R$ 5,3547; o Euro, a R$ 6,5101

Diante dos acontecimentos da semana, a tendência para esta sexta-feira é de desvalorização da moeda brasileira. Entenda!

O dólar comercial fechou o pregão da quinta-feira (21), a R$ 5,3506, após ter começado o dia cotado a R$ 5,2544, uma variação intradiária de +1,83%. O Euro fechou o pregão a R$ 6,5074, e apresentou variação diária de +1,57% após ter iniciado o dia em R$ 6,4065.

A moeda americana iniciou esta sexta-feira (22) cotada a R$ 5,3547 e o Euro abriu o dia cotado a R$ 6,5101. 

 De Olho no Câmbio #105: Uma nova era se inicia

Agenda de hoje

Na Europa e América serão divulgados os PMIs compostos da Zona do Euro, Alemanha, França, Reino Unido e Estados Unidos, todos preliminares e relativos ao mês de janeiro.

No Brasil, apenas a sondagem preliminar da indústria no mês corrente.

Perspectiva para o dia

Real x Dólar

A propagação da Covid-19 nos Estados Unidos está em uma situação alarmante. Biden disse publicamente que espera um volume muito maior de mortos em decorrência da doença.

Existe a possibilidade de novo adiamento dos jogos olímpicos e o Reino Unido se prepara para um lockdown de meses.

A tendência diária é de desvalorização da moeda brasileira.

Real x Euro

Os dados preliminares da França, Alemanha e Zona do Euro vieram mistos, enquanto o PMI industrial alemão apresentou recuo em relação à última leitura (mas ainda em expansão), o PMI industrial francês veio acima da leitura de dezembro.

No setor de serviços a situação foi inversa. Já no Reino Unido o indicador ficou muito abaixo da última leitura. O PMI composto de janeiro veio no menor nível desde junho do ano passado.

Diante deste cenário, a tendência diária é de desvalorização da moeda brasileira.