O que é uma ordem de pagamento e como funciona?

ordem de pagamento

Uma das modalidades mais tradicionais de envio de dinheiro ao exterior é a ordem de pagamento. Entenda como este serviço funciona e quais são as alternativas mais eficientes.

Enviar dinheiro para o exterior ou até mesmo realizar um pagamento para quem não possui conta bancária são apenas alguns exemplos de ordem de pagamento. Com o passar dos anos, o termo ganhou um novo significado e passou a se integrar na evolução da tecnologia dos bancos. Você sabe o que é uma ordem de pagamento e como ela funciona? 

A ordem de pagamento, ou ORPAG, nada mais é do que uma autorização para que a retirada de uma quantia do banco com cheques ou remessas de valores seja feita sem problemas. Alguns bancos, porém, ainda reconhecem como ordem de pagamento apenas transferências feitas para não correntistas. Entenda melhor no texto abaixo. 

A ordem de pagamento e sua história 

Além de ser um recurso bastante prático e rápido, a ordem de pagamento acabada sendo uma opção que traz uma ótima segurança, especialmente no que diz respeito a depósito em contas bancárias. Isso também inclui transferências internacionais. Afinal, a maioria das ordens de pagamento é realizada online. 

grande parte das ordens de pagamento é feita online
grande parte das ordens de pagamento é feita online

Antigamente, era necessário preencher um formulário em forma de documento para fazer a transferência de dinheiros de uma cidade para outra. Esses documentos possuíam regras de preenchimento e transmissão que deveriam ser seguidas à risca. Os bancos calculavam uma chave numérica que deveria ser decifrada na outra agência, para que então o saque pudesse ser feito.

Além disso, ela era transmitida via rádio ou telefone e era feita dentro da própria instituição. Ou seja, as ordens de pagamento eram transferências internas. Nos dias de hoje, o que chamamos de ordem de pagamento são transferências efetuadas pelo sistema, que podem ser feitas internamente ou para instituições diferentes. O documento a ser preenchido também não é mais o mesmo, não necessitando do documento físico. 

Embora o recurso esteja em desuso, ainda há pessoas enviando e recebendo ordens de pagamento. O que acontece é que, com o tempo, o termo acabou perdendo seu significado e foi atualizado com o tempo.

O que era ordem de pagamento há alguns anos, não é mais utilizada nos dias de hoje. 

Por fim, podemos dizer, de modo mais abrangente que todas as operações que dão ordens para que uma quantia seja enviada para outra pessoa, como o TED ou DOC, por exemplo, podem ser chamadas de ordem de pagamento. 

Como funciona a ordem de pagamento hoje em dia 

Também conhecida como cheque administrativo, nada mais é do o envio em dinheiro de uma pessoa para outra por meio de um cheque emitido pelo próprio banco emissor. Para que um indivíduo consiga fazer uma transferência para outra pessoa, ele precisa escolher uma instituição financeira ou banco para que o processo se inicie.

Em alguns bancos, esse recurso só pode ser feito quando a outra parte que receberá a quantia não é correntista. Assim que a agência for escolhida, a pessoa deve ir até o local com os seguintes documentos: 

  • Nome completo; 
  • RG, ou outro documento de identidade com foto (CNH, por exemplo); 
  • CPF; 
  • Contrato assinado; 
  • CPF. 

O contrato assinado da ordem de pagamento 

O contrato é o da própria ordem de pagamento, que aliás, poderá ser assinada no momento da transferência bancária. Junto aos documentos, a pessoa que fará a transferência deve levar o valor a ser transferido mais o preço das tarifas que varia de acordo com cada banco e instituição financeira.

para receber uma ordem de pagamento, é necessário que a pessoa que está fazendo a transferência assine um contrato para que o saque possa ser feito
para receber uma ordem de pagamento, é necessário que a pessoa que está fazendo a transferência assine um contrato para que o saque possa ser feito

Para assinar o contrato, é necessário fornecer os seguintes dados: 

  • Nome completo; 
  • RG ou outro documento de identidade com foto; 
  • CPF; 
  • Número do contato; 
  • Filiação. 

Esses dados devem ser passados para a pessoa que receberá o dinheiro. Quando a ordem de pagamento for depositada diretamente em uma conta corrente ou poupança, a agência e número de conta dever ser fornecidos no momento da emissão da mesma.

Em seguida, o cliente que emitiu a ordem de pagamento deverá informar a outra parte que já é possível fazer o saque. 

Como eu recebo a ordem de pagamento? 

Você pode receber em dinheiro, por meio do cheque ORPAG ou em débito direto na sua conta. 

Qual o prazo da ordem de pagamento? 

De forma geral, o prazo de saque de uma ordem de pagamento é de 48 horas, e um prazo limite de 7 dias.  

Tipos de ordem de pagamento 

Existem 3 variações de ordem de pagamento 

Cheque internacional 

Usado para transferências feitas para o exterior, emitido pela moeda local. No entanto, é mais comum que seja em dólar. O chegue internacional consiste em um cheque pessoal emitido por uma pessoa física. 

Ordem comercial 

Emitida por uma empresa ou entidade que precisa enviar dinheiro para uma conta bancária em outro país. 

Ordem de pagamento cruzada 

Facilita o pagamento por meio de conta corrente para que não seja necessário usar dinheiro em espécie. 

Vale a pena usar a ordem de pagamento? 

Atualmente, a ordem de pagamento é muito mais usada para quem precisa ou quer transferir dinheiro para países do exterior. No entanto, algumas opções de transferência online são mais seguras e muito mais baratas. Isso faz com que a operação acabe ficando de lado. 

Mas, é ainda muito útil para aqueles que não são correntistas e precisam receber algum tipo de pagamento por serviços realizados. Além disso, o custo da ordem de pagamento é bastante atrativo para quem trabalha com transferências. 

Como escolher a melhor opção para fazer uma ordem de pagamento? 

Taxas 

É importante que, sempre que você for escolher uma instituição financeira ou banco para fazer operações, você fique de olho nas taxas cobradas. Como sabemos, grande parte delas costuma ser bastante abusiva. Isso quer dizer que, nos casos de transferências internacionais, não basta levar em conta apenas o IOF e o valor que será depositado. Tenha sempre em mente a somatória de todos as taxas cobradas pelo serviço. 

tenha em mente todas as taxas que serão cobradas para fazer a ordem de pagamento
tenha em mente todas as taxas que serão cobradas para fazer a ordem de pagamento

Credibilidade e segurança 

Como vimos ao decorrer do artigo, as transferências feitas online costumam ser mais baratas. Por isso, também são as mais procuradas. Isso pode ser um problema, caso você não saiba a procedência do site e da empresa.

A Remessa Online, por exemplo, é credenciada pelo Banco Central do Brasil para intermediar transferências internacionais. O que quer dizer que além de taxas mais baixas, também apresenta grande segurança para seus clientes. 

Não deixe, também, de sempre conferir se ao lado da barra de endereços do seu navegador você encontra um cadeado fechado. Isso significa que o site é protegido e criptografado.

Agora que você aprendeu o que é uma ordem de pagamento e como ela funciona, você já pode começar a transferir dinheiro para o exterior de uma forma mais rápida e segura.