Plano de negócios: saiba como fazer em 6 passos

por Remessa Online
3 minutos de leitura
O desenvolvimento de um plano de negócios é uma etapa importante para quem está começando a empreender. Mas como fazer este plano? Descubra aqui!

O plano de negócios é um planejamento que tem como principal função nortear as decisões do empreendedor. Nele, são descritos os objetivos da nova empresa, quais o melhores caminhos a serem seguidos, a viabilidade, a estratégia, o mercado, a gestão financeira e de marketing, enfim, todos os principais pontos sobre um negócio que está começando.

Planejar-se é, sem dúvida, um dos passos mais importantes para quem deseja alcançar o sucesso de um projeto ou nova empresa. Com o plano em mãos, o empreendedor está mais preparado para lidar com as demandas, além de ter a oportunidade de se antecipar com relação aos pontos fortes e fracos da sua empresa, os movimentos da economia e tendências de consumo.

O plano de negócios traz mais segurança e favorece a competitividade em um mercado cada vez mais dinâmico e plural. Pensando nisso, desenvolvemos este post com os 6 passos essenciais para elaborar o plano na sua empresa. Confira!

1. Elabore um sumário executivo

O sumário executivo é a primeira etapa do seu plano de negócios. Nele, você deve listar todos os pontos que serão abordados no seu plano. Tenha em mente que ele é um resumo de tudo que será tratado no seu planejamento. Entre as informações, você pode incluir:

  • Resumo dos principais pontos que serão tratados no plano de negócios;
  • Dados dos empreendedores, bem como experiência profissional e atribuições;
  • Missão da empresa;
  • Dados do empreendimento;
  • Setor de atuação;
  • Atividades econômicas;
  • Forma jurídica; 
  • Capital social;
  • Enquadramento tributário;
  • Fonte de obtenção dos recursos financeiros.

2. Faça uma análise de mercado

A segunda etapa é a análise de mercado. Nela, você vai pesquisar informações, a fim de ter um panorama adequado sobre quem são os seus clientes, fornecedores e concorrentes. Este também é o momento para detalhar quais serão os produtos e serviços oferecidos.

Vale lembrar que na análise de mercado você deve identificar quem é o público-alvo que vai ser atendido pelo seu negócio. 

Neste contexto, busque informações detalhadas e completas sobre localização, necessidades, demanda de consumo e tudo que puder ajudar na sua estratégia de vendas.

O levantamento desses dados pode ser feito por meio de entrevistas, questionários, entrevistas, análise da concorrência ou conversas com clientes em potencial.

Existem empresas especializadas em realizar esse tipo de pesquisa, mas isso demanda disponibilidade de recursos. Se você não tiver, faça você mesmo.

As informações obtidas vão ajudar traçar um retrato objetivo do mercado, indicando quais os melhores produtos e ações para atender às necessidades de consumo dos seus clientes em potencial.

3. Defina as estratégias de marketing

Com base nos passos anteriores, você já consegue definir quais vão ser as estratégias de marketing utilizadas. Neste ponto é interessante destacar que a identificação do seu público vai ajudar muito no momento de criar ações de marketing.

Outra dica importante é buscar referência nas ações da concorrência. Sempre que você compartilha o mesmo público, pode usar como exemplo cases de sucesso de empresas com o mesmo perfil que o seu. 

4. Monte um plano operacional

Nesta etapa, você vai ter que responder à seguinte pergunta: “como fazer acontecer?”. O plano operacional é um documento que descreve toda a estrutura da empresa, ou seja, instalações, equipamentos e localização.

Nela, o empresário também vai estimar sua capacidade produtiva, ou seja, quanto consegue produzir e quantos clientes consegue atender. Ainda, vai estabelecer o número de colaboradores necessários para executar as atividades, tarefas e obrigações de cada um deles.

5. Crie um plano financeiro

O plano financeiro é um ponto de atenção e deve ser planejado com muito cuidado. Aqui, estamos em um terreno que sustenta o seu novo negócio.

As informações que serão obtidas a partir daqui vão permitir ao empreendedor ter uma compreensão clara acerca da viabilidade de início das atividades, custos com manutenção e oportunidades para uma futura expansão.

No plano financeiro você deve estabelecer, entre outros pontos:

  • A estimativa de investimentos fixos;
  • Capital de giro necessário para começar;
  • Estimativa de faturamento mensal;
  • Custo unitário de matéria-prima (estimado);
  • Custo de comercialização do produto;
  • Custo com mão de obra;
  • Investimento total;
  • Indicadores de viabilidade;
  • Ponto de equilíbrio;
  • Índices de lucratividade e rentabilidade;
  • Prazo para o retorno do investimento.

6. Faça a análise de cenário e do plano de negócios

Por fim, depois de todos os passos mencionados, é importante que o empreendedor faça uma análise de cenário. Ou seja, ele deve avaliar o resultado alcançado e as informações condensadas no plano de negócios e verificar que é viável para dar início à empresa.

Todos os dados reunidos permitem trazer um panorama do negócio e garantem que o empresário tenha ações mais assertivas e direcionadas para o sucesso do seu projeto.

Se você está pensando em abrir uma empresa, lembre-se também de pesquisar a respeito da exportação de produtos e serviços. Esta tem sido uma excelente alternativa para o empresário que quer melhorar os resultados do seu negócio, operando com clientes localizados fora do território nacional.

Como você pode ver, o plano de negócios é um documento importante e que vai ajudar no planejamento de todas as ações de uma nova empresa. Realizar este estudo traz mais segurança para o empreendedor, além de favorecer escolhas mais assertivas e alinhadas com as demandas do mercado.

Ao realizar operações e negociações internacionais, faça um levantamento de custos e lembre-se sempre de pesquisar empresas que oferecem serviços de remessa internacional de dinheiro. Na Remessa Online você encontra este tipo de serviço a um custo mais baixo do que o praticado pelas instituições bancárias tradicionais.

Você gostou deste artigo sobre plano de negócios? Então, aproveite para seguir a Remessa Online nas redes sociais — Facebook, LinkedIn e Twitter — e fique por dentro de outros conteúdos como esse! 

Resumindo

O que é um plano de negócios?

É um planejamento que tem como principal função nortear as decisões do empreendedor. Nele, são descritos os objetivos da nova empresa, quais o melhores caminhos a serem seguidos, a viabilidade, a estratégia, o mercado, a gestão financeira e de marketing.

Por que é importante fazer um?

É importante porque o empreendedor está mais preparado para lidar com as demandas, além de ter antecipar os pontos fortes e fracos da sua empresa, movimentos da economia e tendências de consumo.

Quais são os principais passos do plano de negócios?

Elaboração do sumário executivo;
Análise de mercado;
Definir as estratégias de marketing;
Organizar um plano operacional;
Elaborar um plano financeiro;
Fazer a análise de cenário e do plano de negócios.

Vale a pena começar um novo negócio já pensando no mercado internacional?

Sem dúvidas! A exportação de produtos e serviços tem sido uma excelente alternativa para o empresário que quer melhorar os resultados do seu negócio, operando com clientes localizados fora do território nacional.

Assuntos relacionados