Saiba como receber dinheiro do Japão

por Fabiana Lima
3 minutos de leitura
Como-receber-dinheiro-do-Japão

Entre os anos de 1989 e 2018, os brasileiros movimentaram três grandes ondas de imigração para o Japão. Motivados pelas crises econômicas que o Brasil e o mundo enfrentaram, os cidadãos buscaram na imigração uma oportunidade melhor. 

Dados do Consulado Geral do Brasil em Tóquio, que divulga as estatísticas do ministério da Justiça japonês, afirmam que, em 2018, haviam mais de 190 mil brasileiros vivendo no Japão. Muitas pessoas mudam para outro país, deixando a família, para trabalhar e depois retornam. Nesse meio tempo, uma preocupação é comum: receber dinheiro do Japão. 

Neste artigo, você vai entender porque o país é uma alternativa interessante e como receber dinheiro do Japão, caso esteja pensando em mudar. Confira!

Mercado de Trabalho para estrangeiros no Japão

Os imigrantes no Japão têm oportunidades de trabalhar, principalmente, em áreas da indústria, alimentação, limpeza, construção, agricultura, pesca, reparação de veículos e operação de máquinas industriais.

Há também a possibilidade de trabalhar em outras áreas, consideradas como qualificadas, quando é exigido formação superior e especialidade técnica. Nesses casos, o imigrante precisa falar o idioma japonês fluentemente. 

Desde abril de 2019, um regulamento permite que os imigrantes entrem no Japão para ocupar diversas vagas em que falta mão de obra. Para isso, no entanto, os imigrantes precisam ser patrocinados por uma empresa japonesa. Ou seja, chegar ao país com a oferta de emprego garantida.

São dois tipos de visto, mas apenas um deles permite que o imigrante se mude para o país com a sua família. 

A ideia de permitir a entrada desses imigrantes é evitar que o país sofra ainda mais com a falta de mão de obra. Há muitos anos que a população japonesa vem envelhecendo e diminuindo e essa mão de obra precisa ser reposta.

Tipos de visto para entrar no Japão

Assim como em outros países, o Japão oferece alguns tipos de vistos para quem quer morar e estudar no país. Inclusive, esse é um dos principais caminhos para viver e trabalhar. Isso porque, para ter um visto de trabalho, saber falar a língua japonesa é um critério fundamental. 

O visto de trabalho deve estar atrelado a uma empresa que vai se responsabilizar pelo imigrante. Dessa forma, o conhecimento no idioma é necessário para a rotina de trabalho. Sendo assim, entrar no país para estudar japonês e depois tentar uma vaga de trabalho é um dos caminhos mais simples de seguir.

Além disso, com o novo decreto, o Japão está oferecendo duas novas possibilidades de visto. Ambas exigem que o candidato seja patrocinado por uma empresa japonesa, passe por testes, inclusive o de língua, e permite a permanência por cinco anos. Apenas uma das opções permite que o imigrante leve sua família.

Como receber dinheiro do Japão?

É bastante comum que os imigrantes enviem dinheiro para suas famílias no Brasil, por isso, quem fica aqui precisa receber dinheiro do Japão. Isso pode ser um grande transtorno, pois os bancos cobram taxas altíssimas o os valores demoram para compensar.

A Remessa Online oferece o melhor custo-benefício do mercado. O dinheiro compensa em até um dia e as taxas são bem baixas. Quer saber como receber dinheiro do Japão com a Remessa Online? Acesse o site e confira!

Assuntos relacionados