IFIX: saiba como aplicar o Índice de Fundos Imobiliários

por Remessa Online
3 minutos de leitura
IFIX: casa moderna no conceito de venda ou investimento imobiliário

Existem muitas dúvidas em relação ao investimento em índices, não é mesmo? Com o IFIX, ou, Índice de Fundos Imobiliários não é diferente.

O interesse, no entanto, é grande, afinal de contas, o IFIX representa o desempenho médio dos principais Fundos de Investimentos Imobiliários (FIIs) negociados na bolsa brasileira, um ativo de perfil conservador, mas que tem o comportamento de renda variável.

Então, o que saber sobre o Índice de Fundos Imobiliários? Neste material trouxemos um resumo prático e aplicável para quem está pensando em investir e diversificar sua carteira. Confira.

O que é o IFIX?

IFIX é a sigla para Índice de Fundos de Investimentos Imobiliários, um índice ou carteira teórica, que representa a performance média dos principais Fundos Imobiliários negociados na bolsa de valores do Brasil.

Também vale dizer que o IFIX é um índice de retorno total, assim, acompanha as variações dos preços da sua composição. Mas, como ela é feita?

Composição do IFIX

O IFIX é composto por FIIs, Letra de Crédito Imobiliário (LCI), Certificado de Recebíveis Imobiliários e ações de empresa do setor. Para que um ativo seja elegível na sua composição, deve atender requisitos, como:

  • Estar presente em 60% dos pregões, nas 3 últimas carteiras do índice durante o período estipulado;
  • Não ter sido resgatado em sua integralidade nas últimas três carteiras;
  • Estar entre os ativos elegíveis mais negociados no último ano;
  • Não ter a classificação de penny stock, que seria ter o valor médio inferior a R$ 1,00.

Cálculo do Índice de Fundos de Investimentos Imobiliários

Os critérios para fazer parte do IFIX não são tão rigorosos quanto aos demais índices da B3, portanto, é preciso fazer um cálculo para apontar quais ativos vão compor a carteira teórica.

Para isso é feito a soma de 99% dos ativos de maior índide de negociabilidade, o que vai excluir apenas 1% da lista que for elaborada de forma decrescente.

Como o IFIX funciona?

O IFIX funciona como o Ibovespa para quem investe em ações brasileiras ou o S&P 500 para os investidores no mercado americano, ou seja, é um referencial que mostra qual o desempenho dos melhores ativos do setor.

Um investidor pode usar o IFIX para estabelecer metas ou tomar decisões de realocações caso seus investimentos estejam com resultados muito aquém dessa carteira teórica.

Impactos do IFIX nos investimentos

Como trata-se de uma carteira teórica, não é possível investir no IFIX diretamente, mas sim, nas ETFs, ou Exchange Traded Funds, que replicam quase integralmente a composição de um índice.

Também é importante dizer que não existem outros índices tão fiéis ao mercado para a análise da performance de investimentos imobiliários, assim, ele pode ser usado para análise de outros ativos da mesma classe.

Vantagens e desvantagens do índice de Fundos Imobiliários?

O IFIX, como índice principal dos ativos do setor imobiliário, traz boa leitura do mercado, afinal de contas, é revisado a cada 4 meses.

No entanto, por ter critérios mais brandos, seu limite de elegibilidade não exclui ativos que estejam muito inferiores aos demais. O resultado é que, em algumas análises, seus dados não serão eficientes.

Além disso, como uma carteira teórica, serve apenas como referencial. Isso significa que, para quem deseja investir nos ativos desse índice, precisará buscar ETFs.

Como o Remessa Online facilita as aplicações internacionais?

A diversificação é uma estratégia necessária para qualquer tipo de investidor, e, nesse sentido, o índice de fundos imobiliários é uma forma de compor a carteira de investimentos com outros ativos além dos tradicionais, como CDB, títulos da dívida pública e ações.

Outra forma de diversificar e, ao mesmo tempo, ter proteção cambial, é investir em ativos imobiliários dos mercados de ações externas. Nesse sentido, a Remessa Online é a plataforma para transações internacionais com as melhores taxas cambiais, além de agilidade e segurança.

Assim, se você está estudando suas próximas estratégias de investimentos, avalie o investimento com corretoras estrangeiras com mais atenção, e, compare com as performances e opções do mercado brasileiro para fazer uma carteira balanceada e eficiente.

Para isso, recomendamos a leitura do nosso conteúdo sobre CRI imobiliário para ajudar nas suas análises.

Resumindo

Como o IFIX funciona?

O índice funciona como um referencial para que os investidores avaliem o desempenho de seus ativos da mesma classe. É um índice para FII, assim como o Ibovespa é para ações, por exemplo.

Quais as vantagens e desvantagens do IFIX?

O IFIX é o principal índice do setor, é simples de acompanhar e é, regularmente atualizado. Porém, como carteira teórica, não é uma opção de investimento.

Assuntos relacionados