Estudar em Portugal: tudo o que você precisa saber

Estudar em Portugal é o que você sempre quis? Saiba que conseguir uma vaga em uma universidade é mais fácil do que parece. Entenda como e veja quais são os benefícios.

Veja informações úteis para estudar em Portugal

Estudar em Portugal é o que você sempre quis? Saiba que conseguir uma vaga em uma universidade é mais fácil do que parece. Entenda como e veja quais são os benefícios.

O número de brasileiros que optam por estudar em Portugal cresceu 31% em 3 anos. Os motivos para esse resultado são variados e vão da facilidade do idioma à excelência do ensino, sem esquecer o custo de vida reduzido e o clima ameno.

O cenário também é favorável pela proximidade histórica entre Brasil e Portugal. Porém, o que é preciso fazer para estudar no país europeu? É o que veremos neste post. Achou curioso? Continue lendo!

Existem várias formas para estudar em Portugal, até mesmo pelo Enem. Veja o que fazer para conseguir uma vaga e ter uma experiência única!
Portugal conta com algumas instituições de ensino superior centenárias e que são referências mundiais e qualidade do ensino.

Os benefícios de estudar em Portugal

Portugal é um país eclético e que consegue aliar bem a modernidade e a história. Com várias universidades entre as melhores do mundo, estudar lá é garantia de aumentar seus conhecimentos e conquistar mais experiência pessoal e profissional.

As características do país também são diferenciadas. A educação e a cordialidade são peculiaridades do povo. Além disso, a população é bastante sincera — e isso pode até gerar alguma dificuldade de comunicação no início.

Um dos principais benefícios de Portugal é a qualidade de vida. O custo é o mais barato dentre todas as nações europeias e a diversidade de frutas é significativa. O transporte público e a saúde são acessíveis.

O idioma oficial é o português, que é um pouco diferente do português brasileiro. Ainda assim, é fácil de se adaptar. A localização do país é na Europa Meridional. Faz fronteira com a Espanha e com o Oceano Atlântico.

O clima tem versões e invernos suaves. No Norte do país há mais chuva e temperaturas mais baixas, enquanto no interior há mais amplitude térmica. A moeda adotada é o euro.

Os tipos de estudo disponível em Portugal

O estudo em Portugal é dividido de acordo com a classificação internacional. Há 5 principais possibilidades. Confira todas elas!

Ensino técnico

O país tem mais de 700 cursos técnicos disponíveis em 126 instituições de ensino. Há visto de estudante específico para essa finalidade, mas é preciso já estar em Portugal para fazer a solicitação. Ainda é preciso fazer a equivalência do Ensino Médio cursado no Brasil.

Graduação

Os mais de 700 cursos de graduação são voltados para diferentes áreas. Os prazos de inscrição dependem da instituição de ensino. A lista de universidades e cursos pode ser verificada no site da Direção Geral do Ensino Superior.

Para participar, é preciso apresentar diploma de Ensino Médio equivalente ao português, já que as notas no país europeu vão de 0 a 20. O ingresso é feito pelo somatório da média do Ensino Médio com as notas das provas, que são diferentes de um vestibular. 

O estudante brasileiro ainda pode entrar em uma universidade pelo Enem. Essa alternativa está disponível em algumas instituições de ensino.

Pós-graduação

Essa categoria inclui MBAs, mestrado e doutorado. Há mais de 1.300 cursos de mestrado e 630 de doutorado. O ingresso é mais fácil que na graduação e é preciso acompanhar os critérios nos editais divulgados pelas universidades. Geralmente, é preciso de histórico escolar e carta de recomendação.

As formas para estudar em Portugal

Para estudar em Portugal na graduação, você pode fazer um pedido no setor de Relações Internacionais de sua universidade no Brasil. Caso queira fazer todo o Ensino Superior no país europeu, é possível entrar pelo Enem. Há 31 instituições de ensino que aceitam essa forma de ingresso.

A nota mínima costuma ficar entre 500 e 600 pontos, a depender da universidade. Podem ser solicitados outros critérios, conforme o edital.

Você ainda pode solicitar uma bolsa de estudo do Brasil ou de Portugal. As mais comuns são da Capes e da Fundação para a Ciência e Tecnologia, de Portugal. No entanto, ainda existem outras.

Uma delas é a bolsa estudante da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa (CPLC). Nesse caso, o subsídio fica entre 50% e 60%. Caso você tenha boas notas no primeiro ano, pode tentar um auxílio por mérito.

De toda forma, é preciso pagar uma anuidade — ou propina, como é chamado em Portugal —, ainda que mais baixa que o valor normal.

Os custos médios com estudo e moradia

A propina varia de acordo com a instituição de ensino e o acordo com o Brasil. Por exemplo, na Universidade de Coimbra, fica em aproximadamente 700 euros. Porém, há valores mais elevados, de até 7.000 euros.

O mestrado costuma ficar em aproximadamente 1.000 euros anuais e o doutorado em cerca de 2.500 euros por ano. Em relação à moradia e a outros gastos — como material, transporte, alimentação e despesas básicas —, você terá que desembolsar entre 300 e 500 euros por mês. Muitas universidades ainda permitem acrescentar alojamento e refeições por mais 250 euros.

O visto necessário para estudar em Portugal

Para ingressar em uma universidade portuguesa, você precisa do visto de residência para estudo, mais chamado de visto de estudante. Essa autorização é necessária para você se tornar um aluno regular do Ensino Superior.

A solicitação é feita em duas etapas. A primeira é junto ao Consulado ou à Embaixada de Portugal no Brasil. A segunda é com o Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF), em Portugal. No estágio inicial, você deve reunir a documentação, que inclui:

  1. carta de aceitação da universidade ou comprovante de matrícula;
  2. pedido de visto de estudo impresso e assinado;
  3. passaporte válido por mais de 6 meses;
  4. certificado de antecedentes criminais;
  5. comprovação dos meios de subsistência em Portugal;
  6. solicitação de consulta do registro criminal português;
  7. seguro de saúde para o período em que estudará;
  8. pagamento da taxa do Consulado;
  9. comprovante de hospedagem e alojamento.

Depois, você deve solicitar a autorização de residência no SEF. Ela tem validade de 1 ano e pode ser renovada. Esse segundo processo leva alguns meses e você já pode morar em Portugal

O tempo médio para solicitação do visto é de 30 a 60 dias. O custo é de R$ 480 e mais uma taxa de 38 euros.

 A Universidade Nova de Lisboa está no top 50 mundial das universidades com menos de 50 anos. Além dela, Portugal conta com diversas outras universidades de prestígio para quem quer estudar em Portugal.
A Universidade Nova de Lisboa está no top 50 mundial das universidades com menos de 50 anos. Além dela, Portugal conta com diversas outras universidades de prestígio.

As melhores universidades e cursos

Entre as melhores universidades do país estão:

  1. Universidade do Porto: destaca-se em Gestão, Economia, Engenharia, Arquitetura, Desporto, Farmácia e Medicina;
  2. Universidade de Aveiro: foca nas áreas de Biologia, Bioquímica, Economia, Estudos Culturais, Contabilidade, Ciências Sociais, Química e Turismo;
  3. Universidade do Minho: tem entre os melhores cursos Criminologia e Justiça Criminal, Engenharia Civil, Desporto e Medicina;
  4. Universidade de Coimbra: destaca-se em Direito, Economia, Engenharia Elétrica e Eletrônica, Engenharia Mecânica, Aeronáutica e de Produção, Geografia e Línguas Modernas;
  5. Universidade de Lisboa: trabalha Língua Inglesa e Literatura, Agricultura, Ciências Marinhas, Medicina, Matemática e Educação;
  6. Universidade Nova de Lisboa: funciona desde 1973. Tem 20 mil alunos e está no top 50 das universidades com menos de 50 anos.

Entendeu como estudar em Portugal e o que é necessário fazer? Aproveite as dicas e faça seu intercâmbio agora mesmo!

Por meio da Remessa Online você pode enviar dinheiro para Portugal para pagar sua graduação, pós-graduação ou intercâmbio e estudar nas principais universidades do país. Isso te ajudará a garantir sua matrícula antes mesmo de viajar ao país. A Remessa pratica as menores tarifas do mercado e o dinheiro é enviado em apenas 1 dia útil para Portugal e para mais de 100 países!

O visto para estudante também permite conseguir um emprego. Basta solicitar uma autorização especial para o SEF. Veja como funciona o trabalho em Portugal para brasileiros e aproveite a oportunidade!

Resumindo:

Como conseguir uma bolsa de estudos para estudar em Portugal?

É preciso entrar em contato com uma instituição conveniada e fazer o processo seletivo, conforme o edital. Também existe a possibilidade de usar a nota do ENEM como porta de entrada para algumas instituições.

Como fazer mestrado em Portugal?

O processo é simples. Basta enviar a documentação, conforme exigido no edital, e dar entrada no visto após receber a carta de aceitação.

Quanto custa estudar Direito em Portugal?

O valor varia conforme a instituição de ensino. Pode ficar entre 700 euros e 7.000 euros. No entanto, o custo de vida no país é baixo.

Quais são as melhores universidades de Portugal?

Universidade do Porto: destaca-se em Gestão, Economia, Engenharia, Arquitetura, Desporto, Farmácia e Medicina;
Universidade de Aveiro: foca nas áreas de Biologia, Bioquímica, Economia, Estudos Culturais, Contabilidade, Ciências Sociais, Química e Turismo;
Universidade do Minho: tem entre os melhores cursos Criminologia e Justiça Criminal, Engenharia Civil, Desporto e Medicina;
Universidade de Coimbra: destaca-se em Direito, Economia, Engenharia Elétrica e Eletrônica, Engenharia Mecânica, Aeronáutica e de Produção, Geografia e Línguas Modernas;
Universidade de Lisboa: trabalha Língua Inglesa e Literatura, Agricultura, Ciências Marinhas, Medicina, Matemática e Educação;
Universidade Nova de Lisboa: funciona desde 1973. Tem 20 mil alunos e está no top 50 das universidades com menos de 50 anos.