Aporte de capital: dicas de como captar investimento estrangeiro

Receber aporte de capital de investimento estrangeiro é o ponto de partida para alavancar sua empresa. Confira nossas dicas de como prospectar novos investidores.

aporte de capital

O aporte de capital de investimento estrangeiro é indispensável para alavancar um negócio. Felizmente, existem muitas oportunidades de investimentos disponíveis no mercado. Mas, para aproveitá-las, é importante estar bem preparado e atualizado sobre essa prática. E algumas dicas simples podem ajudar na hora de conseguir o aporte de um investidor de outro país.

Acompanhe nosso artigo e saiba mais sobre o que é o aporte de capital e o que você precisa fazer para captar esse recurso. Vamos lá?

O que é aporte de capital

De maneira simples, o aporte de capital é o dinheiro aplicado por um ou mais investidores em uma empresa. Essa contribuição pode ser usada para alavancar uma ideia de negócio ou até mesmo para expandir as atividades. Por esse motivo, é uma prática bastante usada por startups e empresas de diversos portes. 

Esse tipo de aporte é captado em rodadas de investidores, composta por investidores que desejam aumentar sua renda e diversificar suas carteiras. Em troca dessa injeção de dinheiro, eles podem receber uma parcela dos lucros ou participação societária da empresa. 

Dicas para captar aporte de capital de investimento estrangeiro

Confira a seguir algumas dicas simples e eficientes de como captar aporte de capital para o seu negócio.

Mergulhe nos estudos sobre o seu negócio, mercado e cliente

O primeiro passo para captar aporte de capital é estudar sobre o seu negócio, mercado e clientes a fundo. Um empreendedor com essa base conhece as necessidades e o valor do seu negócio e está preparado para defender seu projeto perante os investidores. 

Para isso, pesquise sobre as tendências do seu mercado e faça pesquisas com seus clientes. Dessa forma, você se mantém atualizado e fortalece a sua proposta para os investidores. Aliás, existem vários blogs, cursos e livros sobre educação financeira que podem ajudar você. 

Elabore um plano de negócios para o aporte de capital
Elabore um plano de negócios para o aporte de capital.

Desenvolva um plano de negócios para captar aporte de capital de investimento estrangeiro

Toda captação de aporte de capital começa com um bom plano de negócios. Nesse documento, estão detalhadas as principais informações sobre a empresa como estratégia de marketing, proposta de valor e projeções de vendas e financeiras. É um verdadeiro guia para empreendedores e investidores. 

É com base no plano de negócios que os investidores avaliam a ideia de negócio e decidem se vão ou não injetar capital na proposta. Portanto, elabore um documento consistente e inovador, capaz de demonstrar que a sua ideia de negócio é viável e despertar o interesse do grupo de investidores. 

Construa uma rede de relacionamento

A construção de uma rede de relacionamento é uma das principais estratégias adotadas pelas startups para conseguir aporte de capital de investimento estrangeiro. Isso acontece porque, por meio do networking, é possível conhecer pessoas e estimular parcerias para o desenvolvimento de soluções inovadoras.

Com o uso de novas tecnologias e da internet, esse processo se tornou ainda mais fácil. Afinal, com esses recursos, é possível compartilhar informações em poucos segundos e participar de eventos que estimulam a ampliação de redes de contato, como:

  • Webinars;
  • Grupos de WhatsApp;
  • Fóruns de discussão.

Fique atento a rodadas de investimento e grupos de investidores

As rodadas de investimento são uma das práticas mais usadas pelas startups e fintechs para captar fundos para suas ideias de negócio. Elas são compostas por investidores interessados em aplicar investimento estrangeiro em empresas nacionais. Portanto, são uma ótima forma de conseguir aporte de capital para o negócio. 

O funcionamento é bem simples. Cada rodada é composta por um ou vários fundos de investimentos que desejam injetar capital nas empresas. As startups também são classificadas de acordo com o estágio de desenvolvimento:

Primeira rodada

A ideia do negócio é o principal foco na primeira rodada de investimento. Nela, é preciso convencer o grupo de investidores de que as “contas fecham” e que a startup tem perspectivas positivas de crescimento a longo prazo. Para isso, alguns dados são necessários, como:

  • Projeções da startup;
  • Planos de evolução fase a fase;
  • Planejamento de aplicação do dinheiro levantado em cada etapa.

Novas rodadas

Na medida em que a startup cresce, é provável que sejam necessárias novas rodadas de investimento. E, diferente do que se imagina, esse é um bom indício de que a empresa está progredindo, está crescendo de forma acelerada e definindo objetivos maiores.

Assim, quando se fala no mercado que uma empresa está na Série B ou C, significa que os grupos de investidores continuam injetando capital porque eles acreditam no sucesso do negócio. Para se ter ideia, foi devido a uma nova rodada de investimento que o Nubank se tornou o maior banco digital do mundo, por exemplo.

Busque aporte de capital de investimento estrangeiro

Buscar aporte de capital de investimento estrangeiro é outra dica para alavancar sua ideia de negócio. Em 2019, o Brasil ocupava a quarta posição entre os países que receberam mais investimentos diretos estrangeiros. Contudo, devido à pandemia do Coronavírus e outros fatores, em 2020 houve uma diminuição das aplicações realizadas no nosso país. 

Segundo o Banco Central, nos meses de janeiro a agosto de 2020, o país recebeu US$ 26,957 bilhões de investimentos estrangeiros. Contudo, esse valor foi 41% menor do que o valor obtido no mesmo período em 2019, no total de US$ 46 bilhões. 

Mesmo diante desse cenário, o Brasil ainda é considerado como um país confiável para investimento estrangeiro, segundo o ranking elaborado pela consultoria norte-americana A.T.Kearney. No ranking composto por 25 países, o Brasil ocupa a 22ª posição e é a única nação da América Latina na lista.


Como trazer o investimento para o Brasil 

Captar aporte de capital de investimento estrangeiro é, sem dúvida, uma grande conquista para qualquer negócio. E para transferir o capital para sua conta no Brasil, você pode contar com a ajuda da Remessa for Startups.

Conheça a Remessa for Startups

Desde 2016, com a Remessa Online é possível enviar e receber transferências internacionais de maneira econômica, rápida e sem burocracia. Agora, além disso, oferecemos uma solução para as startups: a Remessa for Startups.

Criamos uma consultoria personalizada para empresas com atuação no exterior, com serviços que reduzem as questões burocráticas do seu negócio, como questões legais de importação e exportação, e até elaboração do RDE-IED. 

Para saber mais detalhes sobre como funcionam os serviços da Remessa Online, incluindo as taxas mais econômicas do mercado, acesse o site e entre em contato com o time de especialistas.