Como enviar dinheiro para os Estados Unidos

Como enviar dinheiro para os EUA

Não sabe como enviar dinheiro para os Estados Unidos mas precisa efetuar uma transferência internacional para os EUA? Confira nesse artigo tudo o que você precisa saber para enviar seu dinheiro.

Diversas pessoas ainda acreditam que este tipo de transferência é algo complexo, burocrático e demorado, mas tudo depende do serviço que você utiliza para realizar essa remessa.

Neste artigo, saiba o que é necessário para enviar dinheiro para os Estados Unidos de uma forma simples, rápida e com a melhor cotação do mercado!

Tenha todos os dados necessários do Beneficiário

Antes de fazer qualquer transferência internacional, é necessário ter os dados do beneficiário (quem receberá o dinheiro na américa) e informa-los em algum momento. Então antes de iniciar sua remessa se certifique que você tem:

  1. Nome completo da pessoa que vai receber o dinheiro
  2. Código SWIFT ou BIC do banco beneficiário (se não souber peça para o beneficiário perguntar no banco ou instituição dele)
  3. Número do banco e agência do beneficiário ou identificador da instituição.

Saiba mais: O que é o código SWIFT?

Preste muita atenção na hora de informar ou inserir os dados da conta do beneficiário!

O preenchimento incorreto ou falta de preenchimento de campos obrigatórios causam cancelamento e estorno dos valores enviados.

Escolha a instituição que fará a remessa internacional

Bancos, fintechs, correios e diversas outras empresas financeiras oferecem os serviços de transferências internacionais, também conhecido coo remessa internacional ou simplesmente remessa.

Apesar de existir uma variedade de serviços, muitas pessoas só conhecem os serviços dos bancos, que normalmente aplicam taxas maiores, utilizam o câmbio turismo (o tipo mais caro da moeda americana) e possuem um prazo maior para o envio!

Leia também: Uma transferência bancária internacional demora?

Quais taxas são aplicadas para enviar dinheiro para os Estados Unidos?

Em qualquer transferência internacional, o Banco Central exige que o IOF seja aplicado. Já explicamos o que é IOF e quando ele é aplicado aqui no blog mas, em resumo, é uma taxa sobre operações de crédito

Além do IOF, os bancos cobram outras tarifas para realizar uma operação internacional. É o caso do Bradesco, que aplica uma taxa de R$450,00 para enviar dinheiro para o exterior.

O IOF aplicado é de 1,1% para envios em contas de sua titularidade e, em envios para outras pessoas, a taxa é de 0,38%.

Uma outra taxa que pode ser cobrada em um envio de dinheiro para os EUA é a taxa SWIFT, aplicada pela utilização a rede de pagamentos dos bancos.

Qual a melhor forma de enviar dinheiro para os Estados Unidos?

Dentro das diversas opções para enviar dinheiro para o exterior, a melhor e mais vantajosa é a Remessa Online!

Segurança com blockchain

Por utilizar a tecnologia blockchain, os envios internacionais realizados na Remessa Online são super seguros.

Além da segurança, o blockchain também auxilia com transações mais rápidas e menores custos para sua transferência.

Velocidade

Enquanto os bancos tradicionais demoram normalmente de 2 a 4 dias úteis para o envio, na Remessa os envios são enviados em 24 horas!

Câmbio Comercial

Além disso, a Remessa Online usa câmbio comercial, diferentemente das casas de câmbio e bancos que utilizam o dólar turismo e adicionam uma grande margem de lucro na venda da moeda internacional.

Por exemplo, hoje (dia 11/08/19) o dólar comercial está cotado a R$ 3,94 enquanto o dólar turismo em R$ 4,12.

Sem considerar outras taxas, isso significa dizer que em um envio de US$1.000,00 você está perdendo 180 reais só porque os bancos usam o turismo!

Taxas, Taxas e mais Taxas

Nos bancos tradicionais as taxas para mandar dinheiro para os Estados Unidos chega a 11% enquanto na remessa esses custos não passas de 1,3%!

Na remessa online a transferência internacional custa menos e ainda é mais rápida!

Na Remessa Online, você pode enviar dinheiro para os Estados Unidos por diversos motivos, como manutenção de residentes, doação internacional, estudos no exterior, aluguel de residência e muito mais.

E lembre-se: isso também vale para o contrário. É possível receber salários por serviços prestados no exterior, ganhos do Google AdSense e muitas outras origens.

Aproveite e faça já sua simulação: envie dinheiro para os Estados Unidos Hoje mesmo!