Cartão de crédito no exterior: vale a pena?

Vale a pena usar cartao de credito no exterior

Ninguém quer passar imprevistos no exterior, por isso levar um cartão de crédito na viagem pode ser sinônimo de prevenção. Mas vale mesmo a pena usar cartão de crédito no exterior? Veja neste artigo o que você paga ao usar um cartão em compras internacionais.

Antes de realizar uma viagem internacional é imprescindível elaborar um bom planejamento financeiro. Nele, você deve fazer uma previsão de gastos, a análise de câmbio, cotação e compra de moeda estrangeira. Além disso, é recomendado analisar a viabilidade da utilização do cartão de crédito no exterior.

Utilizar um cartão de crédito internacional pode ser uma excelente opção tanto para o turista quanto para a pessoa que viaja a negócios. Entretanto, antes de optar por esta modalidade de pagamento, é importante conhecer quais são as suas vantagens e desvantagens e os cuidados que devem ser tomados na hora de utilizar o cartão fora do país.

Neste post, você vai descobrir os benefícios do cartão de crédito internacional e vai conhecer algumas dicas práticas que vão ajudar a minimizar os custos no uso da forma de pagamento. Acompanhe e entenda! 

Quais são as vantagens do cartão de crédito internacional?

Antes de viajar para o exterior é importante verificar quais são as alternativas de pagamento e saque de dinheiro em território internacional. Além dos cartões pré-pagos, outra alternativa muito utilizada são os cartões de crédito internacionais.

Uma das vantagens desta forma de pagamento é que ela pode oferecer a opção de saque em caixas eletrônicos de outros países, o que traz mais tranquilidade para o turista, que não precisa transitar com grandes quantias de dinheiro.

Além disso, a praticidade é outra grande vantagem do cartão de crédito no exterior. Muitas pessoas preferem viajar com dinheiro, mas com isso precisam carregar notas de papel, o que pode ser sinônimo de insegurança, independente do país que estiverem visitando.

Outra vantagem de utilizar o cartão de crédito no exterior é que o consumidor tem alguns incentivos como programa de milhas, descontos em hospedagens, lojas e restaurantes.

Quais são as desvantagens dessa modalidade de pagamento?

Em contrapartida às vantagens, existem alguns pontos de atenção, principalmente relacionados às taxas e impostos associados a este método de pagamento. Ao utilizar um cartão de crédito internacional, são cobradas as seguintes taxas:

  1. Imposto sobre Operações Financeiras (IOF): a alíquota do imposto incidente nas compras e saques internacionais é de 6,38%. Entretanto, estes valores variam de acordo com o tipo de operação e tipo de câmbio.
  2. Taxa de saque: em geral, as operadoras de cartões costumam cobrar uma taxa de saque. Isso significa que toda vez que o consumidor utilizar o cartão para realizar um saque, deverá pagar uma taxa específica relacionada à essa operação.
  3. Taxa de câmbio: outra taxa que impacta diretamente no uso do cartão é a taxa de câmbio. Neste caso, a cotação do câmbio só será fechada no dia do pagamento da fatura do cartão, o que torna difícil saber qual será o valor final gasto. Além disso, a instituição bancária cobra uma margem adicional, acima do câmbio praticado pelo mercado, o que representa um custo extra para o consumidor. 
Usar um cartão de crédito no exterior pode resultar em salgadas taxas, por isso é preciso atenção aos gastos.
Usar um cartão de crédito no exterior pode resultar em salgadas taxas, por isso é preciso atenção aos gastos.

Como conseguir um cartão de crédito internacional?

Várias instituições bancárias oferecem cartão de crédito internacional, entre as mais conhecidas estão o Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, Banco Bradesco, Santander e Itaú.

Além destes, os bancos online também oferecem o serviço de cartão de crédito internacional. Neon, Inter e Nubank são exemplos de bancos que disponibilizam esse serviço.

Leia também: O cartão Nubank é internacional?

Cartão de crédito ou dinheiro? Qual é a melhor opção?

Essa é uma dúvida muito comum de quem vai viajar para fora do país. Em geral, com relação aos custos, a melhor opção será sempre o dinheiro.

Todavia, se você não quer viajar com muita moeda em espécie e deseja evitar os custos extras do cartão de crédito, poderá enviar o seu dinheiro para uma conta bancária própria fora do país.

Essa é uma ótima opção especialmente se você vai passar uma temporada no exterior. A Remessa Online permite que você envie dinheiro para o exterior de maneira rápida, segura e com as menores tarifas.

Mesmo sendo o dinheiro a melhor opção, é sempre bom ter em mãos um cartão de crédito válido já que ele pode cobrir qualquer despesa extra ou imprevisto durante a sua viagem.

Você quer saber mais sobre remessa internacional de dinheiro? Acesse o site da Remessa Online e conheça os nossos serviços.

Resumindo

Como ter um cartão de crédito internacional?

Você precisará encontrar um banco que ofereça esse tipo de cartão. Alguns bancos digitais como o Nubank, Neon e Inter permitem que o pedido seja feito totalmente online e praticam taxas menores.

Quais são as vantagens do cartão de crédito internacional?

O cartão de crédito internacional traz praticidade e segurança caso surjam imprevistos financeiros durante a viagem.

Quanto custa ter um cartão de crédito internacional?

Ao usar um cartão de crédito no exterior você estará sujeito a diversas tarifas como o IOF e a taxa de câmbio. Alem disso, dependendo do cartão poderá haver anuidade e outras tarifas.

Qual a melhor opção para comprar no exterior pagando poucas taxas?

Uma dica é abrir uma conta no exterior e enviar o dinheiro do Brasil através da Remessa Online. Dessa maneira, você poderá sacar no exterior se livrando de muitas taxas.